Por pbagora.com.br
 
 

O vereador Bruno Farias sugeriu à Prefeitura Municipal de João Pessoa uma alternativa de plano de retomada da economia para ser seguido após o prazo de medidas mais rígidas de isolamento social por conta do novo coronavírus.

No projeto o parlamentar apresenta propostas obtidas diretamente com a população de João Pessoa, legitimando essas informações com base em pesquisas sobre iniciativas
similares desenvolvidas, de forma exitosa, em outras cidades, estados e países.

“O Pensando JP apresenta uma visão macro para a definição de métodos e critérios coletivos para a retomada econômica. A partir do diálogo estabelecido com o conjunto da sociedade, entendemos que cabe ao Poder Público estabelecer pontes com os setores produtivos para a confecção de regramentos específicos para cada atividade. O plano de retomada não pode ser um movimento impositivo da gestão municipal, mas, sim uma construção participativa. Sabe-se, por exemplo, que são inúmeros os protocolos já estabelecidos por entidades representativas e que devem ser utilizados na produção do planejamento estratégico final” diz trecho do projeto.

Confira as fases propostas pelo parlamentar:

1ª fase
15/06 – 28/06

A abertura das seguintes atividades econômicas: supermercados; açougues; padarias e delicatessens; docerias; mercados públicos; estabelecimentos que fazem delivery;  repartições públicas e cartórios; farmácias; serviços de saúde de urgência e emergência; serviços de imagem radiológica; atendimentos de tratamento contínuo de oncologia, hemoterapia e hemodiálise; laboratórios de análises médicas; estabelecimentos que fornecem insumos hospitalares; óticas; clínicas médicas; serviços odontológicos eletivos; consultórios odontológicos; clínicas veterinárias; Pet Shops; serviços e comércio relativos à saúde animal; hotéis, pousadas, flats, motéis e serviços de hospedagem de modo geral; postos de combustível; lojas de conveniência em postos de combustível; concessionárias de carro e revenda de veículos (automóveis, motos e bicicletas); oficinas automotivas; lojas de peças de veículos; lava jatos; bancos e lotéricas; construção civil; lojas de material de construção e material de limpeza; lojas de materiais elétricos e ferragens; atividades imobiliárias; escritórios de profissionais autônomos e liberais; empresa de telemarketing e call center; indústria; prática de esportes individuais ao ar livre e sem contato físico; salões de beleza, barbearia e similares por marcação prévia e atendimento personalizado; centros de distribuição e
depósito; lojas de comércio de rua até 200m²; estacionamentos rotativos públicos e
privados; bem como a volta do transporte público de acordo com as garantias
necessárias para a prestação do serviço, asseguradas pelos Órgãos Gestores, de
maneira que possa ser ofertada uma frota maior do que o proporcional à demanda.

2ª fase
29/06 – 12/07

Abertura de bares, restaurantes, lanchonetes e similares; Bibliotecas; lojas de comércio de rua de até 400m²; missas e cultos (com até 50% do limite máximo de ocupação, e com distanciamento mínimo de 2 metros entre os presentes)

3ª fase
13/07 – 26/07

Abertura de shoppings centers; centros e galerias comerciais; lojas de comércio de
rua acima de 400m²; academias. missas e cultos (com até 70% do limite máximo de
ocupação, e com distanciamento mínimo de 2 metros entre os presentes)

4ª fase
a partir de 27/07

Novo normal com a liberação da capacidade máxima de ocupação dos estabelecimentos e com a abertura de cinemas; teatros; casas de festas, shows e
espetáculos; clubes sociais, recreativos e esportivos; parques infantis; salas de
espetáculo; auditórios; salas de exposição; galerias de arte; jogos e campeonatos.

PB Agora

 

 
 
Notícias relacionadas

João entrega novo ginásio paradesportivo do Instituto dos Cegos

O governador João Azevêdo entrega, nesta segunda-feira (17), às 10h, o Ginásio Paradesportivo do Instituto dos Cegos da Paraíba Adalgisa Cunha (ICPAC), que foi construído pelo Governo do Estado por…

Sine Municipal oferece 103 vagas de empregos em CG

Maioria das oportunidades disponíveis exige experiência comprovada no segmento de material de construção A Prefeitura de Campina Grande, por meio do Sine Municipal, está oferecendo vagas de emprego nesta segunda-feira,…