A Paraíba o tempo todo  |
PUBLICIDADE

Vaca quase causa uma tragédia com avião de Paula Fernandes em Patos

Por pouco uma vaca que estava empacada na cabeceira da pista do Aeródromo Brigadeiro Firmino Ayres, em Patos, não causou uma tragédia com o avião da cantora Paula Fernandes, que usou o município como parada de apoio para seguir viagem a Caicó, no Rio Grande do Norte, onde fez um show, na noite de ontem (22).

De acordo com o Portal Horaexata.com, o piloto que conduzia o avião modelo Learjet teve muita dificuldade para pousar e alertou os policiais que fazem a segurança do local para o risco de acidentes.

Ele relatou o sentimento de medo e pânico vivenciados pela cantora e a equipe da produção, que temiam uma tragédia.

Depois do susto, a cantora seguiu viagem de carro para Caicó, sem falar com uma equipe de rádio que tentava entrevista. Por precaução, o piloto resolveu marcar o voo de volta para as primeiras horas da manhã desta sexta-feira (23) e não mais na madrugada, após o show da contora.

Os policiais que fazem a guarda no aeródromo disseram que é comum a presença de animais no local.

O diretor do DER em Patos, Madiel Conserva, negou a possibilidade de um animal ter entrado no aeródromo, mas admitiu falhas na iluminação e a fata de pano da biruta, equipamento que orienta a direção dos ventos.

Luciana Rodrigues, com Horaexata.com

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe