Por pbagora.com.br

Cerca de oito mil servidores da UFPB e UFCG, entre ativos e aposentados, farão uma mobilização no próximo dia 21 de outubro para solicitar do Governo Federal o cumprimento de reivindicações para os trabalhadores, como reajustes salariais e de vale alimentação, além da revisão do enquadramento dos aposentados no Plano de Cargo, Carreira e Remuneração (PCCR).

As atividades fazem parte do Dia Nacional de Luta, organizado pela Federação de Sindicatos de Trabalhadores das Universidades Brasileiras (Fasubra). Na Paraíba, quem está à frente da mobilização é o Sindicato dos Trabalhadores de Ensino Superiores na Paraíba (Sintespb), cujo presidente é José Rômulo Batista Xavier.

José Rômulo esclarece que uma comissão de mobilização está definindo as atividades para o próximo dia 21, quando os campus de João Pessoa, Areia, Bananeiras, Campina Grande, Patos, Sousa, Cajazeiras, Pombal e Cuité devem paralisar os trabalhos e realizar uma programação para discutir as reivindicações desses servidores junto à comunidade acadêmica: “Vamos fechar um cronograma de atividades e neste dia solicitaremos uma audiência com o reitor da UFPB para que tenhamos a o apoio da administração da universidade”, afirma o presidente do Sintespb.

O presidente do Sindicato esclarece que a mobilização faz parte de uma atividade nacional, mas que no âmbito das universidades paraibanas por enquanto não há perspectiva de início de uma greve por parte da categoria. “Não há por enquanto essa intenção de uma greve, mas na primeira quinzena de novembro faremos um encontro nacional para avaliarmos a mobilização em todo o país e vermos quais serão as próximas medidas a serem adotadas”, disse José Rômulo.

A paralisação em todas as universidades do país tem os seguintes eixos centrais: cumprimento do termo do acordo de 2007; racionalização do Plano de Carreira dos Cargos Técnico-Administrativos em Educação (PCCTAE); retorno da ascensão funcional; autonomia com democracia nas universidades.
 

O Norte

Notícias relacionadas

Inmet emite alertas de alagamentos e chuvas intensas para quase toda a PB

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), as chuvas que caem na Paraíba devem continuar até, pelo menos, às 11h desta quinta-feira (6). O órgão emitiu dois novos…

“Já encheu o saco isso”, diz Bolsonaro sobre uso de máscaras

Na manhã desta quarta-feira (5/5), durante sua fala sobre a realização de obras no país, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), criticou a imprensa. Segundo ele, os jornalistas não falam das…