A Paraíba o tempo todo  |

Treze vence o Caucaia e entra na briga por classificação na Série D

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Vivo para brigar por mais. Essa é a nova realidade do Treze no Campeonato Brasileiro da Série D. Ao emplacar a segunda vitória consecutiva, a equipe chegou a sexta posição com 11 pontos, mesma pontuação do Atlético-CE e Campinense, respectivamente o terceiro e o quarto colocado, e se aproxima da briga no G4 do Grupo A3 pela classificação para a segunda fase da competição. Neste domingo, a equipe alvinegra enfrentou, novamente, o Caucaia-CE e venceu pelo placar de 3 a 1.

O novo encontro com a equipe cearense, na virada de turno da primeira fase da Quarta Divisão, só aparentou que seria um certame fácil, como o anterior, vencido por 4 a 0. Com a bola rolando, o Galo buscou abrir o placar logo nos primeiros minutos, mas pecou na finalização em jogadas com Wallison Bahia, João Ananias e Iago Martins. A Raposa cearense tentou responder e reagir nos contra-ataques, mas sem chegar com perigo a meta defendida por João Guilherme. Com destaque maior para a chance mais clara perdida por Wallison Bahia que, diante do goleiro, chutou por baixo da bola e isolou.

A pressão continuou e o Caucaia-CE tentou se defender recuando como pode. Aos 17 minutos, Ferrugem cruzou para Gerônimo que se atrapalhou com a bola e acabou perdendo a oportunidade. Na sequência, em falta marcada, a equipe paraibana fez uma jogada ensaiada, Ferrugem aciona, mais uma vez, Gerônimo que é interceptado pela zaga da Raposa Cearense.

A primeira boa chegada da equipe visitante se deu aos 22 minutos com uma boa jogada individual de Cléo e o passe para Márcio Goiano, que manda a bola por cima do gol. A resposta do Galo foi com uma blitz até conseguir, enfim, furar as redes do adversário. Aos 38 minutos do primeiro tempo, Walisson Bahia consegue roubar a bola na defesa do Caucaia-CE, cruza para Gindré e, antes de chegar no atacante, a bola foi interceptada pelo jogador da Raposa cearense, Márcio Diogo, que desviou a bola para o fundo da meta. Gol contra, Treze 1 a 0.

Após o gol, o Treze chegou a diminuir o ritmo e, aos 47 minutos, Vanderlan recebeu a bola, avançou pela direita e cruzou para Gênesis que cabeceou sem marcação e sem chances de defesa, partida empatada.

Segundo tempo

No retorno do intervalo, o Treze sabia que precisava lutar pelos três pontos e veio propondo a virada. Com movimentação intensa, Wallison Bahia esteve cara a cara com o goleiro Romero, logo aos dois minutos, mas mandou para fora, sem perigo para os cearenses. Aos cinco,  Ferrugem tentou arriscar de longe, a bola desviou e, por pouco, não foi para o gol. Aos 14 minutos, em mais uma tentativa, Anderson Gidré cruzou, sem muito ângulo, e a bola foi em direção a meta defendida por Romero.

Para cumprir as ordens do comandante Fajardo, a equipe seguiu pressionando. Logo aos 20 minutos, em mais uma jogada construída por Anderson Gindré, a bola foi cruzada na área, Euler Viana só ajustou com a cabeça e a bola sobrou para Wallison Bahia aproveita para ampliar o placar, Treze 2 a 1.

Após o gol, a partida diminuiu a temperatura. Na tentativa de administrar o placar, Welligton Fajardo efetuou mudanças no elenco e na postura da equipe que passou a trabalhar a bola com maior segurança. Em algumas oportunidades de chegada, Esquerdinha rolou para Júlio Ferrari que chutou forte demais, sem precisão, a bola subiu acima do gol.

Já nos acréscimos, Júlio Ferrari foi derrubado dentro da área e o árbitro marcou pênalti. Birungueta buscou a bola e a responsabilidade, parou e chutou forte para dar os números finais a partida. Treze venceu o lanterna do grupo, entrou para a briga em busca da classificação para a segunda fase da Série D e joga uma pá de areia nos planos dos cearenses.

Para seguir em busca da classificação, o Galo enfrentará o América-RN no próximo sábado, às 15h, na Arena das Dunas.

Fonte: Equipe Voz da Torcida

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe