Por pbagora.com.br

A Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Paraíba manteve a pena de sete meses de detenção aplicada a um proprietário de empresa, acusado do crime contra a ordem tributária. A pena foi substituída por uma restritiva de direitos, consistente no pagamento em dinheiro à entidade pública ou privada com destinação social, no valor de um salário-mínimo.

Em juízo, o réu negou a acusação. Disse que foi fraudado por terceiros. Asseverou, inclusive, que procurou uma Delegacia, na qual, lavrou um Boletim de Ocorrência, narrando que estava sendo vítima de uma fraude. Informou que a empresa é de sua propriedade, que pagou todos os impostos e que nunca comprou mercadoria vinda de outro Estado.

O relator do processo, desembargador Arnóbio Alves Teodósio, disse, em seu voto, que restou comprovado nos autos que o réu, na qualidade de administrador da sua empresa, com vontade livre, direta e consciente, nos meses de agosto e setembro de 2012, suprimiu tributo, na medida em que deixou de recolher o ICMS, causando um prejuízo de R$ 116.316.99 aos cofres estaduais. “Assim, vê-se claramente que o apelante tinha ciência não somente da obrigação de recolher o imposto, como também do valor a ser recolhido mensalmente, não o fazendo com o único objetivo de não efetuar o recolhimento de ICMS relativo a operações tributáveis”, pontuou.

Para o relator, a alegação de que o réu foi vítima de fraude de terceiros, no tocante a elaborações de notas fiscais de produtos que não adquiriu, não encontra respaldo nos autos, uma vez que a Secretaria da Fazenda anexou registros públicos confirmando a entrada dos produtos, não tendo o acusado durante todo o procedimento investigatório criminal reunido provas de que não tenha concorrido para a prática da infração.

Da decisão cabe recurso.

PB Agora com TJPB

Notícias relacionadas

Presidente do TJ deve rever expediente presencial por causa da Covid-19

O presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), Saulo Benevides, deve suspender o expediente presencial do Judiciário. De acordo com informações colhidas pelo blog, o tema vem sedo discutido…

Vídeo: água do mar derruba resto do calçadão no final da praia do Cabo Branco

As redes sociais bombaram neste domingo (28) com os internautas postando vídeos da grande ressaca que atingiu o litoral paraibano. Em João Pessoa, alguns dos pontos mais movimentados da orla…