Por pbagora.com.br

 

O presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargador Luiz Silvio Ramalho Júnior, recebeu o deputado federal, Marcondes Gadelha. A audiência aconteceu no final da tarde dessa quinta-feira (30) no gabinete da Presidência do TJPB. O principal assunto da pauta foi a elevação da comarca de Sousa para 3ª entrância.

Depois da audiência, Marcondes Gadelha disse que sentiu uma grande vontade por parte do presidente do Tribunal de Justiça em aprovar o mais rapidamente possível o projeto que contempla também a comarca de Patos. “Sousa já foi incluída no projeto de mudança, fase mais difícil de todo o processo. Agora, o projeto será levado à apreciação do Tribunal Pleno. Acredito que a elevação da comarca é irreversível”, disse o parlamentar, após o encontro com Ramalho Júnior.

Depois de votado pelo o Pleno do Tribunal de Justiça, o projeto, que eleva Sousa à 3ª entrância, será enviado para a Assembleia Legislativa. Caso seja aprovado e transformado em lei, o texto segue para sanção do governador. Otimista com as informações repassadas pelo presidente do TJPB, Marcondes Gadelha salientou que Sousa, há muito tempo, justifica sua elevação de entrância, não só pelo crescimento do Município, mas também, pela demanda dos serviços oferecidos.

Se for elevada à 3ª entrância, Sousa contará com outras varas, além do aumento no número de servidores. Atualmente, a Paraíba possui cinco comarcas de terceira entrância: João Pessoa, Campina Grande, Cabedelo, Bayeux e Santa Rita.
 

 

TJPB

Notícias relacionadas

Fiscalização em 10 cidades da PB encontra irregularidades em 32 estabelecimentos comerciais

O Procon Estadual da Paraíba fiscalizou diversos tipos de estabelecimentos durante o período de 8 a 12 de abril, foram no total 77, entre os quais: Postos de combustíveis, agências…

Opinião: a quem interessa mentir sobre evolução da vacinação na PB? Dados da SES rebatem avalanche de fake news

A grande história da humanidade sempre foi contada pelo viés das distorções. O que é moda hoje, chamada de fake news, nada mais é que notícias falsas em bom português.…