Por pbagora.com.br

Uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), confirmou a legalidade e o rigor técnico da anulação do concurso público realizado em 2016 na cidade de Conde.

De acordo com o relatório do TCE-PB, após análise, a auditoria concluiu que a realização do referido concurso não atendeu os preceitos das Leis Orçamentárias do município e que até o presente momento a gestão da prefeita Márcia Lucena (PSB) tem trabalhado e adotado as providências cabíveis a fim de salvaguardar o interesse público.

Para a prefeita Márcia Lucena, a confirmação da lisura da anulação do certame por parte do TCE-PB, vem ratificar a intenção da gestão de preservar o princípio da isonomia do acesso legítimo aos cargos públicos municipais.

“A nossa intenção foi garantir a lisura e a aplicação da lei. Não havia como nós recepcionarmos um concurso com os indicativos orçamentários que nós temos, além de que tudo nesse concurso foi feito de forma equivocada, desde o planejamento até as fraudes grosseiras que foram verificadas” declarou.

 

 

Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Notícias relacionadas

Prefeito Cícero Lucena lamenta vacinação fora dos grupos prioritários

Nesta sexta-feira (22), o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (Progressistas) repudiou as inúmeras denúncias de pessoas que estariam furando a fila de prioridades para receber a vacina contra a…

PMJP inicia ação de limpeza e sanitização nos mercados públicos

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) iniciou, na noite desta sexta-feira (22), uma ação de limpeza e sanitização nos locais de comercialização de alimentos, começando pelo Mercado Central. Uma…