Dados do Monitor da Violência revelam entre 2018 e 2019, a superlotação registrada no sistema prisional da Paraíba diminuiu significativamente. De acordo com o relatório divulgado essa semana, o número caiu de 126,6% para 70%.

Essa variação indica que, em um ano, a superlotação diminuiu 44,7%. Atualmente, a Paraíba tem 12.808 presos, mas 12.015 são os que ocupam, de fato, as celas os presídios, isto é, estão nos regimes fechado ou semiaberto.

A superlotação da Paraíba está na mesma faixa do percentual nacional, que apresenta uma taxa de 70,3%. A quantidade de vagas existentes nas penitenciárias paraibanas é de 7.069, ou seja, um déficit, em relação a quantidade de presos que ocupam as vagas no sistema, é de 4.946 vagas.

 

Redação

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Magistrado encaminha denúncia da Calvário pra Justiça Eleitoral e entra em colisão com MPPB

O ex-procurador do estado da Paraíba, Gilberto Carneiro, foi denunciado pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) no âmbito da Operação Calvário pelos crimes de concussão e ocultação de bens. De…

Compra de medicamentos extra-SUS crescem 30% na Paraíba

Os investimentos para aquisição de medicamentos não incorporados no Sistema Único de Saúde (SUS) realizados pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), registraram um…