O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), não vai ceder quando o assunto é formação da chapa majoritária na disputa pela sucessão na Capital. Segundo ele, quem vier para o bloco terá que entender que é o Partido Verde a sigla que será majoritária na aliança, restando para as outras agremiações os demais espaços, seja na vice, na proporcional ou em uma futura formação da próxima gestão municipal.

Em entrevista nesta quarta-feira (04), a uma emissora de rádio na Capital o recado foi direto e claro.

“Aqueles partidos que acreditam que João Pessoa está dando certo, que acreditam que esse modelo de gestão está melhorando e transformando a vida da população eu tenho certeza que vão nos acompanhar nessa caminhada para que a gente possa vencer as eleições e continuar esse trabalho. Esse é um processo natural de diálogo, de entendimento, de busca da unidade mas com foco na necessidade de apresentarmos um nome, o PV é o partido majoritário dessa aliança, tem grandes quadros, secretários que conhecem de perto o dia a dia da cidade, conhecem da gestão então vamos dialogar bastante e chegar um consenso a minha pretensão foi sempre de estabelecer uma relação harmoniosa com os partidos aliados e com a câmara municipal e acredito que tá chegando o prazo fundamental dessa definição”, disse.

De acordo com Cartaxo, ele já vem buscando e realizando esse diálogo e o entendimento não apenas com os partidos, mas com os vereadores para que haja um consenso com relação ao pleito e também com relação à reforma administrativa.

“Eu já tenho feito isso, conversei com uns partido duas ou três vezes e outros eu ainda não tive a oportunidade de sentar aprofundar a discussão, com esses que não fizemos vamos sentar agora para chegar até o fim do mês com essa discussão maturada e definida e tomar a melhor decisão e claro fazer a reforma” disse.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Geógrafo revela fatores que vem impactando a estrutura da falésia do Cabo Branco em João Pessoa

O agravamento do efeito destrutivo causado por processos erosivos em zonas litorâneas dar-se principalmente por ações antrópicas, que intensificam a erosão marinha. Em sua grande parte as zonas costeiras são…

CCJ da ALPB aprova criação do Memorial Covid-19 para homenagear vítimas

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), aprovou na manhã desta terça-feira (14), por unanimidade, o projeto de lei 1.841/2020, que institui o…