A Prefeitura de Campina Grande comunica que a partir desta quarta-feira, 04, estará transferindo para o auditório do antigo Museu Vivo da Ciência, no trecho do Terminal de Integração do Açude Novo, o local base de cadastramento de idosos, acima de 65 anos, para o acesso gratuito no transporte coletivo da cidade.

O cadastramento, que anteriormente vinha acontecendo na sede da STTP, continuará sendo realizado das 8h às 16h, de segunda a sexta-feira, contando com ampliação de equipes de atendimentos, maior estrutura de logística e num local mais confortável para os beneficiários.

O cartão da gratuidade é entregue no momento do cadastramento, sem nenhuma taxa de cobrança, e os idosos são fotografados no próprio local objetivando a captação de imagens de reconhecimento facial para identificação ao adentrar o ônibus.

Para o devido cadastro basta a apresentação de um documento oficial de identificação com foto,  RG ou carteira de trabalho, além do CPF, e comprovante de endereço de Campina Grande.

A partir deste cadastramento o idoso passará a utilizar o seu ônibus, no dia-a-dia, como qualquer passageiro, entrando pela porta da frente – como acontece desde da implantação da Integração Temporal – mas com a preferencial de embarque, pela idade, e sem ser segregado.

Ônibus Itinerante – A Prefeitura também está disponibilizando o mesmo serviço de cadastramento com um reforço de um ônibus itinerante.

O veículo biarticulado com capacidade para 60 pessoas sentadas também está servindo de ponto de atendimento aos idosos, e o distrito de Galante foi a primeira comunidade atendida, nesta quarta e quinta-feira, 3 e 4, com o serviço de cadastramento para idosos acima de 65 anos.

Posteriormente o ônibus Itinerante estará chegando a outros distritos e bairros de Campina Grande, onde será feita uma ampla divulgação de sua localização para o atendimento aos beneficiários.

Para mais informações, os interessados podem entrar em contato pelo telefone (83) 3341-1517 ou pelo site da STTP.

 

Redação com Codecom/CG

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Bloco Cafuçu deve se tornar Patrimônio Cultural e Imaterial da PB

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou, nesta terça-feira (22), o Projeto de Lei 570/2019, da deputada Cida Ramos (PSB), que torna o Bloco Cafuçu, realizado no município de João…

Shoppings da Paraíba terão que oferecer 20 minutos de carência em estacionamentos

Assembleia aprova carência de 20 minutos em estacionamentos da Paraíba A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou, por unanimidade, na sessão desta terça-feira (22), o projeto de Lei (PL) 772/2019,…