Mudança visa a  minimizar o impacto na queda de passageiros no período de pandemia 

A Prefeitura de Campina Grande, através da Gerencia de Transportes da STTP, anunciou  alterações nas rotas de ônibus que serão realizadas nos itinerários dos bairros do Catolé, Sandra Cavalcante e Itararé, a partir de amanhã, segunda-feira, 22 de junho.

De acordo com a Divisão e Controle Operacional da STTP, as linhas 004, 404 e 444 que circulam na região do Catolé, Sandra Cavalcante e parte do Itararé sofrerão ajuste de itinerário para otimização da demanda de passageiros existentes transportados nesse período de Pandemia, ajustando uma solicitação das próprias empresas operadoras do sistema.

Ainda, conforme a STTP, as alterações vão proporcionar aos passageiros dessa região a possibilidade de deslocamentos laterais no bairro do Catolé, a exemplo do deslocamento de passageiros do Conjunto Dubú VI, para o Sandra Cavalcante, ou para o Call Center Orbitall, e vice-versa.

Numa das alterações a linha 404, deixará de seguir pela Rua Vigário Calixto e fará o percurso feito hoje pela linha 004, isto é, ao chegar no Shopping Luiza Motta seguirá pela Rua João Quirino e Av. Cons. Joseph Noujaim Habib, fazendo exatamente o mesmo percurso da linha 004 passando pelo Dubu VI e retornando pela Rua João Wallig para o estádio O Amigão, seguindo seu percurso normal para o centro pela Avenida Elpídio de Almeida.

Já a linha 444 fará o inverso da linha 404, sentido Centro /bairro pela Av. Elpídio de Almeida, estádio O Amigão, Av. João Wallig, Rua Rita Alves, Conjunto Dubu VI, percorrendo o Catolé até a Av. Conselheiro Joseph Noujaim Habib, Rua João Quirino, retornando para o Shopping Luiza Motta, e seguindo seu itinerário normal para o centro da cidade.

A linha 004 se transformará em uma linha expressa, vindo do Aluízio Campos pela Avenida João Wallig, estádio O Amigão, seguindo diretamente pela Rua Vigário Calixto para o centro da cidade, e retornando por ela própria quando vier no sentido bairro.

Essa otimização visa unificar os pontos de repouso e controle das linhas para atendimento de demandas do MPT (Ministério Público do Trabalho) no Terminal do Amigão, e trará a possibilidade de interligação entre o Catolé e o Sandra Cavalcante, por exemplo: O passageiro poderá se deslocar do DUBU VI para a Orbitall e vice-versa, sem a necessidade de se deslocar até o centro da cidade, e a população do Aluízio Campos terá uma rota expressa passando diretamente pela Rua Vigário Calixto.

Outra informação importante é que a população da região da Rua Rita Alves e João Wallig voltarão a ter o atendimento de transporte coletivo, através das linhas 404 e 444.

Redação com assessoria

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Qualquer flexibilização trará aumento de casos da Covid-19, alerta secretário da PB

Após divulgar a 3ª avaliação de classificação dos municípios e, consequentemente, liberar a flexibilização de alguns setores da economia o secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, alerta que todo…

Estado anuncia medidas para pagamento de auxílio a trabalhadores da cultura

Auxílio Federal vai beneficiar aproximadamente 10 mil trabalhadores de arte e cultura no Estado A estimativa de prazo do Governo do Estado para que artistas paraibanos comecem a receber os…