O condutor-socorrista do SAMU, Gervásio Bernardo foi agredido a pauladas e sofreu um tiro na perna direita no inicio da tarde desta quarta-feira (20) quando chegava em sua residência que fica localizada no Loteamento Luar Pinto Gadelha na cidade de Sousa, sertão do estado.

Gervásio revelou que estava chegando em casa com os filhos quando foi surpreendido por dois homens em uma moto. Eles desceram da moto e agrediram a vítima com pauladas no braço esquerdo, depois efetuaram um tiro contra o servidor público que foi atingido na perna direita.

Vítima sendo socorrida pelo SAMU (foto: Charley Garrido)

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e esteve no local socorrendo a vítima ao Hospital Regional de Sousa.

Viaturas da polícia militar e ROTAM foram ao local e estão efetuando diligências na tentativa de localizar e prender os acusados que fugiram.

As denúncias

Gervásio Bernardo, é conhecido por usar suas redes sociais para fazer denúncias contra a gestão municipal. Recentemente, o funcionário denunciou perseguição aos servidores do SAMU.



Diário do Sertão

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

IFPB Campus Cajazeiras oferta 200 vagas em cursos técnicos gratuitos

O Instituto Federal da Paraíba lançou edital de seleção para ingresso em cursos técnicos no semestre de 2020.1. Estão sendo ofertadas 3.650 vagas em diversos cursos em todos os campi…

Mais de 6 toneladas de produtos vencidos são apreendidos na Feira da Prata, em CG

Uma ação integrada envolvendo o Procon de Campina Grande, a Gerência de Vigilância Sanitária e as polícias Civil e Militar culminou com a detenção de um comerciante e a apreensão…