A Paraíba o tempo todo  |

Servidores prestam queixa após terem nomes publicados indevidamente como se fossem ‘codificados’

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Servidores efetivos do Estado prestaram queixa na Central de Polícia após terem seus nomes divulgados como sendo de possíveis codificados, em lista que está circulando nas redes sociais e em veículos da imprensa.

Ainda ontem, nas redes sociais, algumas das pessoas que tiveram o nome divulgado também protestaram e lamentaram terem o nome envolvido em factóides politicos.

O auditor fiscal aposentado Sebastião Gerbase manifestou seu protesto no Facebook, desautorizando “a quem quer que seja usar o meu nome indevidamente nesse pula pula de frevança politiqueira, onde não se poupam instituições como a Justiça, o BB e o Governo do Estado, muito menos o cidadão comum”.

Após Sebastião vários foram os servidores que também se manifestaram, inclusive jornalistas e engenheiros.

De acordo com a delegada Vanderleia Gadi, as queixas servirão para que os que tiveram seus nomes indevidamente divulgados como sendo codificados possam acionar à Justiça.

“O objetivo final do registro das ocorrências deverá servir para impetrar algum tipo de ação cível de reparação de dano moral” disse a delegada.

Após a repercussão, o Banco do Brasil emitiu comunicado onde declarou que nas listas também continha os nomes de servidores efetivos.

PB Agora

Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe