O promotor de Justiça Francisco Seráphico Ferraz da Nóbrega Filho toma posse, nesta quinta-feira (29/08), como procurador-geral de Justiça do Ministério Público da Paraíba para o biênio 2019–2021. Ele será reconduzido para o seu segundo mandato, pelo governador João Azevêdo e pelo Colégio de Procuradores de Justiça do MPPB, em solenidade às 18h, na Sala de Concertos do Espaço Cultural José Lins do Rego, na Capital.

A programação de posse começa na quinta-feira pela manhã, às 10h, com missa em ação de graças, na Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe, no Cabo Branco. Francisco Seráphico encabeçou a lista tríplice escolhida por membros do Ministério Público e encaminhada ao governador. A eleição ocorreu no último dia 29 de julho e o promotor de Justiça obteve 179 votos. A confirmação da sua recondução ao cargo de PGJ foi feita no Ato Governamental 2.294, que trouxe sua nomeação, publicado no Diário Oficial do Estado no último dia 08.

O procurador-geral de Justiça avalia que o Ministério Público avançou, nos últimos dois anos, na efetividade do serviço prestado à população com foco na transparência de suas ações. “Apesar das dificuldades, avançamos, porque estivemos juntos nessa construção. Resta a certeza de que ainda temos um longo caminho à frente e que, juntos, estamos fazendo o Ministério Público mais forte!”, diz, creditando as realizações aos colegas, membros do MP, e aos servidores da instituição.

O procurador-geral de Justiça é filho de Francisco Seráphico Ferraz da Nóbrega e Maria Elita Sá da Nóbrega; casado com Francisca Nathália Medeiros da Nóbrega; pai de Bianca, Francisco Seráphico Neto e Miguel. É mestre em Direitos Humanos pela Universidade Federal da Paraíba e atuou como professor universitário e como auditor auxiliar do TCE. Ingressou no MPPB no ano de 2003 e é o 2º promotor de Justiça de Santa Rita, tendo, antes, exercido suas atribuições nas promotorias de Patos, Campina Grande, João Pessoa, Cruz do Espírito Santo, Mari, Soledade, São Mamede, Pombal, Malta e Paulista e como promotor convocado junto à Procuradoria de Justiça.

Na administração superior do MPPB, exerceu os cargos de secretário-geral e secretário de Planejamento e Gestão. Também integrou a Comissão de Combate aos Crimes de Responsabilidade e à Improbidade Administrativa (Ccrimp), a Assessoria Técnica e o Núcleo de Controle Externo da Atividade Policial (Ncap). No biênio 2013-2015, presidiu a Associação Paraibana do Ministério Público (APMP).

Alguns destaques da gestão 2017-2019

Assinatura de acordo de não-persecução penal com 68 prefeitos para fechamento de lixões;
Implantação do Programa de Localização e Identificação de Desaparecidos da Paraíba (Plid-PB);
Liberação de recursos do Fundo de Direitos Difusos para projetos sociais, pela primeira vez desde que foi criado, em 2012;
Interlocução com diversos órgãos para assegurar a segurança hídrica no Estado, através da transposição de águas;
Execução de projetos estratégicos que impactaram 59% dos municípios da Paraíba, com ações de interesse social;
Criação do Núcleo de Gênero do MPPB, para o efetivo reconhecimento e implantação dos direitos das mulheres paraibanas;
Oferecimento de, aproximadamente, 80 denúncias contra agentes públicos, através da Ccrimp e Gaeco;
Recuperação de cerca de R$ 80 milhões aos cofres públicos, através do combate à sonegação feito pelo Cira-PB;
Virtualização de 100% dos órgãos ministeriais e criação de novas ferramentas digitais para melhorar o trabalho da instituição.

Expediente

Por causa das atividades de posse do procurador-geral de Justiça, o expediente no Ministério Público da Paraíba, nesta quinta-feira, será corrido, das 7h às 13h.

 

Redação com MPPB

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Fim dos lixões”: prefeitos de 51 municípios devem assinar acordo nesta 4ª

Prefeitos de 51 municípios do compartimento da Borborema e Cariri têm até esta quarta-feira (13/11) para assinar acordos de não-persecução penal com o Ministério Público da Paraíba se comprometendo a…

VANDALISMO: bandidos depredam casas de complexo Aluízio Campos em CG

Menos de dois dias após inauguração, casas do Complexo Aluízio Campos são alvo do ataque de bandidos em Campina Grande. Um vídeo feito por um morador nesta manhã de quarta-feira,…