Por pbagora.com.br

Após uma confusão entre delegado e advogados na Central de Polícia de João Pessoa ter viralizado depois de ter sido transmitida ao vivo nas redes sociais nessa sexta-feira (25), o  secretário de Segurança da Paraíba, Jean Nunes, lamentou o episódio e defendeu uma apuração rigorosa do caso.

De acordo com Jean, quem quer que seja que tenha praticado crime ou infração deverá responder pelos seus atos.

“A determinação é que tudo seja apurado com rigor e imparcialidade. Seja criminal ou administrativamente nas duas instituições através de suas corregedorias”, declarou.

Durante o imbróglio três advogados foram autuados.

Jean ainda lamentou que episódios como este aconteçam pois acabam por abalar a relação entre a Polícia Civil e a advocacia.

PB Agora

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ações de Ruy na prefeitura vão estimular geração de empregos e renda a partir de janeiro

Uma gestão dinâmica com ações para estimular a retomada econômica. É o que propõe o candidato a prefeito de João Pessoa, Ruy Carneiro, já a partir de janeiro de 2021,…

Encerra sexta-feira prazo para comprovação de isenção do IPVA

O prazo para os contribuintes entregarem pessoalmente ou enviarem os documentos e, assim, garantirem a isenção do IPVA (Imposto sobre Propriedade Veicular e Automotores), do exercício de 2020, termina na…