Prefeito determina aceleração da obra por contada possível necessidade de leitos por conta da crise da Covid-19

O prefeito Romero Rodrigues, durante entrevista nesta sexta-feira ao Programa Caturité nos Municípios, da Rádio Caturité FM, informou que pretende entregar à população o Hospital da Criança e do Adolescente de Campina Grande antes da data projetada para a inauguração l, marcada para julho. Ele justifica a possível necessidade de leitos em decorrência da pandemia do coronavírus.

Segundo Romero Rodrigues, a construção do futuro hospital segue em ritmo célere, tendo sido, inclusive, ampliada a equipe de trabalhadores na obra. Informou que a nova unidade ocupará, em termos de área construída, um espaço de 7.148 metros quadrados, representando um investimento de mais de R$ 10 milhões, já totalmente equipado.

A obra está sendo edificada na avenida Floriano Peixoto, no bairro Dinamérica, ao lado do ginásio O Meninão. Segundo o prefeito, Campina Grande carece de uma unidade de saúde destinada a atender dignamente crianças e adolescentes.

Ecológico e acessível – Romero Rodrigues ressaltou, ainda, que a obra segue modernos parâmetros de engenheira e de arquitetura hospitalar, além de ser cem por cento ecológico, já que aplicará o reuso de até 92% da água consumida e utilizará placas de energia solar. O projeto prevê também, no futuro, a ampliação da sua estrutura vertical, com a implantação de mais três ou quatro andares.

O hospital, uma obra da construtora Oesp, contará com 136 leitos, sendo dez na UTI (com dois de isolamento), quatro salas de cirurgia, duas salas de raio X, duas salas de eletrocardiograma, uma sala de ultrassonografia e um laboratório. Todo o prédio tem cem por cento de condições de acessibilidade para todos os tipos de pessoas com deficiência, inclusive autistas.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Prefeitura desmente suspensão de entregas por motocicleta em JP

A Prefeitura Municipal de João Pessoa divulgou nota onde desmentiu a informação, que vem circulando nas redes sociais, de que entregas realizadas por motoboys estariam proibidas em João Pessoa por…

Após médicos, Cartaxo anuncia gratificação a demais servidores da linha de frente da Covid-19

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, usou seu perfil numa rede social para anunciar a concessão de gratificação aos servidores da linha de frente no enfrentamento à pandemia do…