Milhares de fiéis participaram da  Romaria de Nossa Senhora da Penha que começou no sábado (23) e  terminou no início da manhã deste domingo (24) em João Pessoa. De acordo com a Arquidiocese da Paraíba, cerca de 400 mil pessoas percorreram os 14 quilômetros de caminhada. Em 2019 o tradicional evento católico está completando 256 anos.

A peregrinação começou às 17h com a condução da imagem até a Igreja de N. Sra. De Lourdes, no Centro, e saiu às 22h em direção ao bairro e Santuário da Penha. A romaria contou com hasteamento das bandeiras, procissão e celebração, presidida pelo bispo diocesano de Rio Grande (RS), Dom Ricardo Haepers, e apresentação da nova Capela das Velas.

Neste ano o tema do evento foi “Nossa Senhora da Penha, roga por teus filhos e filhas para que sejamos missionários da alegria e da paz”. A missa campal teve como celebrante Dom Manoel Delson, Arcebispo da Paraíba. Além da tradicional missa de domingo, às 10h haverá a Celebração Eucarística com Monsenhor Nereudo Freire, Reitor do Santuário da Penha.

O Arcebispo da Paraíba, Dom Delson ressaltou a importância do ato de devoção e fé para os fiéis católicos: “Em cada ano que passa a fé do paraibano aumenta porque a tradição e a experiência vão passando de geração para geração ao longo dos anos e selam a confiança em Nossa Senhora, que é a nossa intercessora e abre as portas para que as graças sejam alcançadas”, destacou.

Em 2013 a Romaria de Nossa Senhora da Penha foi reconhecida como Patrimônio Cultural Imaterial de João Pessoa . O reconhecimento foi proposto pela Câmara Municipal e sancionado pelo prefeito Luciano Cartaxo.  Isso garantiu o comprometimento do poder público em proteger a manifestação religiosa.

A Romaria da Penha acontece anualmente no quinto final de semana antes do Natal, que para os católicos é a data em que se encerra o ano litúrgico. Os fiéis saem da Igreja de Nossa Senhora de Lourdes, no bairro de Jaguaribe, e fazem um trajeto de 14 quilômetros até o Santuário de Nossa Senhora da Penha, onde é celebrada uma missa.

A devoção a Nossa Senhora da Penha começou em 1763, quando o português Sílvio Siqueira fez um apelo à mãe de Jesus. Ele, junto com a tripulação de sua embarcação, enfrentava uma grande tormenta no litoral paraibano, pediu para aportar com segurança. A graça foi alcançada e, em retribuição, ele ergueu uma capela onde desembarcou, a então Praia de Aratú, que depois viria a ser chamada de Praia da Penha.

PREFEITO A COMPANHA TRAJETO

Ao lado de milhares de fiéis, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, e a primeira-dama, Maísa Cartaxo, acompanharam, na noite deste sábado (23) a 256ª edição da Romaria de Nossa Senhora da Penha, pelas ruas da Capital, em um trajeto de 14 km de caminhada. Com o tema “Senhora da Penha, roga por teus filhos e filhas para que sejamos missionários da alegria e da paz”, o prefeito repetiu o gesto de todos os anos de participar do momento de adoração, fé e agradecimento à Nossa Senhora.

“Participar da Romaria da Penha é uma tradição de nosso povo e todos os anos faço questão de estar presente, dividir com os pessoenses este momento de religiosidade, reflexão, agradecimento e fortalecimento da nossa fé. Pedimos proteção para as famílias, que Nossa Senhora abençoe nossos filhos e João Pessoa, para que ela possa seguir como uma cidade de paz e de harmonia”, afirmou o prefeito Luciano Cartaxo, que também estava acompanhado do secretário-chefe de Gabinete, Lucélio Cartaxo, e sua esposa, Romeika Cartaxo.

A Romaria é realizada com apoio da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), dentro da ação ‘Cidade que tem mais oportunidades’, que inclui uma vasta programação de eventos culturais e religiosos do fim de ano na Capital. Além de um trajeto que recebeu a nova iluminação do programa LED nas Ruas, diversas secretarias municipais estiveram envolvidas no planejamento e realização da romaria para oferecer mais segurança e conforto aos fiéis.

A Autarquia Municipal Especial de Limpeza Urbana (Emlur) intensificou a limpeza de todas as vias do itinerário, desde a Avenida Hilton Souto Maior, a partir do Bairro da Penha, em direção ao Trevo das Mangabeiras, localizado na divisa dos Bairros Mangabeira e Bancários, além das avenidas João Machado, Maximiliano Figueiredo, D. Pedro II, Sérgio Guerra e vias do Seixas. Foram executados serviços de varrição, roço, capinação, catação, coleta, pintura de meio fio e recolhimento de entulhos e podas em terrenos em todo o trajeto do evento religioso.

Mais de 100 agentes de mobilidade urbana também trabalharam na orientação dos condutores. No transporte, foi disponibilizada uma frota de 130 ônibus para garantir o conforto e a agilidade dos romeiros no retorno para casa. O efetivo da Guarda contou com 150 agentes, divididos por equipes ao longo do percurso. O esquema de segurança contou ainda com suporte de 10 viaturas, 10 motocicletas, um ônibus e um drone para monitoramento por vídeo.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve com nove Unidades de Suporte Básico (USB), duas motolâncias e mais uma unidade de apoio (S10) ao longo de todo percurso. Também esteve à disposição da população, a Unidade de Saúde da Família da Penha.

Celebração – A programação da Romaria teve início às 15h, com recitação do Terço e, às 17h, a Carreata de Nossa Senhora da Penha conduziu a imagem até à Igreja de N. Sra. De Lourdes, de onde partiu a Romaria, após uma Missa Campal em homenagem à Nossa Senhora da Penha. Às 21h45, o Arcebispo Dom Manoel Delson e o Reitor do Santuário da Penha, Monsenhor Nereudo Henriques, realizaram o momento de benção e envio dos romeiros rumo ao Santuário da Penha. Neste domingo (24), ocorrerá uma Celebração Eucarística no Santuário da Penha, às 10h, na Solenidade de Cristo Rei, presidida pelo Reitor do Santuário Monsenhor Nereudo.

Redação com Secom/JP

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Acidente entre carro e ônibus deixa uma pessoa ferida, em JP

Na tarde desta sábado, dia 14, uma mulher ficou ferida após o carro em que ela vinha colidir com um ônibus no cruzamento entre as avenidas Pedro II e Rodrigues…

Mulher perde o controle do veículo e capota carro, nas Três Lagoas, em JP

Um acidente que culminou com o capotamento de um veículo foi registrado na manhã deste sábado, 14, na BR-230, na localidade conhecida como Três Lagoas, em João Pessoa. De acordo…