O governador Ricardo Coutinho participa de uma solenidade, na manhã desta sexta-feira (15), que marca o retorno das atividades do Programa Empreender Paraíba. O evento acontece às 9h, no Espaço Cultural, e celebra a assinatura de contratos para os beneficiários que ficaram com os seus processos retidos após a suspensão do programa.

 

Durante o evento, que contará com a presença da secretária executiva do Empreender Paraíba, Amanda Rodrigues, também serão anunciados a abertura de inscrições para linha Empreender Inovação Tecnológica, em parceria com a Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba (Fapesq), e o convênio instituído pelo Empreender Paraíba junto ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (Iphaep), por meio do projeto Empreender Centro Histórico, que visa à preservação e promoção do patrimônio histórico e cultural do Estado, além da revitalização do Centro Histórico de João Pessoa. Os primeiros beneficiados do projeto assinarão os seus contratos na solenidade no Espaço Cultural.

 

O Governo do Estado foi liberado para voltar a conceder empréstimos do Empreender Paraíba a partir de duas liminares deferidas no dia 29 de novembro de 2017.  Assim, foi garantida a liberação do programa que estava suspenso desde o dia 8 de novembro por decisão do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB). A paralisação do programa afetou cerca de 600 empreendedores paraibanos que estavam com empréstimos em processo de aprovação e que dependiam diretamente desse crédito para se desenvolver economicamente.

 

A empreendedora Antonita Clarindo, do município de Sumé, trabalha com doces e teve as suas vendas de final de ano prejudicadas com a suspensão do programa. Ela contou que iria aplicar o crédito do Empreender investindo em compras, ampliação da sua cozinha e na compra de uma geladeira, sendo um instrumento essencial de seu trabalho. “A paralisação do Empreender prejudicou muita gente, inclusive eu que estava com sonhos de ganhar mais, de aumentar a minha renda nesse mês de dezembro, pois temos muitas encomendas para o natal e formaturas. Isso me prejudicou muito, pois eu fiquei sem capital de giro para realizar os meus serviços”, desabafou a empreendedora.

 

Secom-PB

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

João Azevêdo inspeciona obras de mobilidade urbana em João Pessoa

O governador João Azevêdo realizou, nesta sexta-feira (16), uma visita técnica às obras de ligações de bairros da Zona Sul de João Pessoa. As novas vias ligarão diversas áreas entre…

Políticos do Cariri confirmam participação no SOS Transposição

Prefeitos e vereadores de diversos municípios do Cariri confirmaram presença no ato SOS Transposição, que será realizado no domingo (1º de setembro), em Monteiro. Inaugurada em março de 2017, a…