O Sindasp-PB (Sindicato dos Agentes e Servidores no Sistema Penitenciário do Estado da Paraíba) está reconhecendo, através do presidente Manuel Leite de Araújo, a adesão de quase toda toda a bancada de representação política da Paraíba, no Congresso, votando na aprovação da PEC (Proposta de Emenda Constitucional) nº 372/17, que cria a Polícia Penal, no âmbito federal, estadual e distrital, em substituição a essa categoria profissional.

Segundo o presdiente do Sindasp-PB, votaram pela aprovação da matéria os deputados Damião feliciano (PDT), Edna Enrique (PSDB), Efraim Filho (Democratas), Frei Anastácio (PT), Julian lemos (PSL), Pedro Cunha Lima (PSDB), Ruy Carneiro (PSDB) e Wilson Santiago (PTB), não tendo votado, de igual modo, portanto, os deputados Agnaldo Ribeiro (PP), Hugo Mota (PRB) e Welington Roberto (PR).

Dessa forma o dirigente classista apela para que, na próxima votação, que deverá ocorrer, em breve, os deputados que votaram a favor do projeto da PEC, repitam a posição assumida da primeira votação, bem como, reivvindica o apoio dos três que não se posicionaram nessa votação.

 

Assessoria

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Cinco academias são notificadas por atividades irregulares na PB

Cinco academias foram notificadas por apresentarem atividades irregulares, em Guarabira, no Brejo paraibano. As notificações foram feitas pelo Conselho Regional de Educação Física da 10ª Região – Paraíba (CREF10/PB) e…

Chuvas podem gerar preocupações para os foliões na Paraíba

O carnaval começou e os foliões só pensam em curtir os dias de momo, mas a diversão pode ter um atrapalhador é que a Agência Executiva de Gestão das Águas…