Por pbagora.com.br

Representantes das instituições que compõem o Fórum de Desenvolvimento da Mesorregião do Seridó se reuniram em Pedra Lavrada onde deram continuidade a elaboração do projeto de desenvolvimento da região. Prefeitos e lideranças foram recebidos pelo prefeito José Antônio Vasconcelos (Tota), prefeito de Pedra Lavrada, no Centro de Ensino do município.

A Mesorregião do Seridó abrange 56 municípios – 26 da Paraíba e 28 do Rio Grande do Norte. A reunião contou apenas com a presença dos representantes dos municípios da Paraíba. “Nós estamos partindo na frente e elaborando o projeto de desenvolvimento, esperando contar com o apoio do governo federal e do governo estadual”, diz o presidente da Famup e prefeito de Picuí, Buba Germano.

Os prefeitos, lideranças e representantes de instituições querem unificar as ações de desenvolvimento para a região do Seridó, nos mesmos moldes do que foi feito no Cariri da Paraíba há 10 anos. “O Sebrae ajudou a elaborar o Pacto do Cariri e quer ajudar a construir o Pacto do Seridó, que é uma região muito rica em minério”, diz o superintendente do Sebrae na Paraíba, Júlio Rafael.

Segundo Buba Germano, a Mesorregião do Seridó foi criada em 2006, na cidade de Currais Novos, no Rio Grande do Norte. “Prefeitos, empresários, lideranças políticas e diversos segmentos da sociedade conseguiram compreender que os estados da Paraíba e Rio Grande do Norte têm uma região com características iguais”, diz Buba.

Durante o encontro dos representantes do Pacto do Cariri, diversos técnicos fizeram exposições. Buba Germano, da Famup, falou sobre a necessidade de se ter ações integradas para que o Seridó e Curimataú possam se desenvolver.

Já o consultor Lucindo Quintães falou sobre o Projeto de Desenvolvimento Sustentável do Cariri e Seridó e disse que esta região do Seridó tem todas as características para se desenvolver. “Nós precisamos nos unir para desenvolver essa região da Paraíba”, diz Lucindo.

O consultor Cícero Pereira, do Sebrae, falou sobre os projetos que já existem na região do Seridó e garantiu que os projetos só terão continuidade se tiver o apoio dos prefeitos e de toda a população. Depois foi a vez dos presentes falarem sobre suas experiências como mineradores, plantadores de fruteiras e outras atividades.

Assessoria de Imprensa

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Prontos e preparados”, diz Cícero Lucena após aprovação de vacinas pela Anvisa

O prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena, chamou de “dia histórico”, este domingo (17) após aprovação pela Anvisa do uso emergencial das vacinas de Oxford e CoronaVac. O órgão aprovou…

Parceria entre PMJP e governo vão reativar fonte interativa no Jardim Oceania

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), em parceria com o Governo do Estado, já iniciou a solução do problema de tratamento de água da fonte interativa da Praça Desembargador…