A vereadora Raissa Lacerda (PSD), autora da reapresentação do projeto de lei que objetiva impedir a inserção de consumidores da Energisa e da Cagepa com contas em atraso comemou, nesta terça-feira (05), a sanção, pelo prefeito Luciano Cartaxo, do projeto, que agora é lei em toda a Capital.

Raíssa ainda falou sobre o impasse gerado com as operadoras, mas acredita que elas vão perder a causa se recorrerem.

“Eles não vão conseguir derrubar uma lei na justiça, uma lei que vai beneficiar a população, essa é a intenção da nossa lei. Foi uma luta de David contra Golias, mas vencemos graças a Deus”, disse.

A proposta impossibilita as operadoras de inserir o nome dos consumidores com contas atrasadas no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e Serasa. Recentemente a Energisa declarou que, se o projeto virar lei, vai recorrer à justiça.

 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Amidi: Defesa do jornalismo profissional é tributo à Lena Guimarães

A mais coerente forma de homenagear a jornalista Lena Guimarães é lutando pela valorização e reconhecimento profissional do jornalismo. Essa é a síntese da nota de pesar assinada pelo jornalista…

INGÁ: Justiça determina internação de idoso que vivia em bueiro

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) requereu e a Justiça deferiu o pedido de antecipação de tutela, determinando a internação compulsória de um idoso em situação de rua na BR-230…