A Paraíba o tempo todo  |

Projeto Colorindo Campina pretende transformar “Rua da Escadaria” no Rosa Mística

PUBLICIDADE

Nas terça e quarta-feira, 14 e 15 de setembro, a Prefeitura Municipal de Campina Grande, por meio de equipes da Secretaria de Assistência Social (Semas), realizou a aplicação de uma pesquisa junto aos moradores na rua da Escadaria no bairro Rosa Mística, com o objetivo de coletar informações do perfil das famílias e ao mesmo tempo, sensibilizar esses moradores para a adesão ao projeto Colorindo Campina, que será implantando oficialmente no local, no dia 29 deste mês.

Idealizado pela Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Planejamento, Gestão e Transparência em parceria com as Secretarias da Semas, Seduc, Sejel e Cultura, o projeto Colorindo Campina, trata-se de uma intervenção, formato piloto na comunidade Rosa Mística, com foco em espaços públicos amigáveis às crianças na primeira infância (de 0 a 6 anos).

A iniciativa tem como principal objetivo: Transformar microvazios urbanos; Promover sustentabilidade e resiliência; Reiventar a relação morador com a sua comunidade; Promover uma mudança de comportamento; Implantação e integração de políticas públicas; além de integrar os diferentes órgãos e secretarias do município (iluminação, escadarias, calçadas, becos e vielas), sob a perspectiva das crianças, especialmente na primeira infância.

No local, a equipe da Semas formada pela supervisão do Programa Criança Feliz, que atende crianças na primeira infância, além de sete visitadoras do programa, sob a coordenação da diretora de Proteção Social Básica Joelma Martins, visitou 43 casas na rua para fazer o devido levantamento.

A aposentada Maria Francisca Trindade, 86 anos, que tem 11 netos e 13 bisnetos, (dois moram com ela), foi uma das primeiras moradoras do bairro Rosa Mística há 54 anos. Ela ficou curiosa e ao mesmo tempo feliz ao ver, através de fotos, como a localidade ficará colorida e com tantos atrativos para a sua família e vizinhança. Principalmente, quando puder receber a visita dos netos que moram em outros locais.

A aposentada, fraturou a bacia há dois anos depois de sofrer uma queda dentro de casa e hoje se locomove, inclusive utilizando as escadarias, com o auxilio de um andador. “Quando cheguei aqui tinha um grande esgoto no meio da rua e o local, sempre foi muito acidentado. Há 30 anos, foi construída a escadaria e agora com essa nova adequação, ficará muito melhor”, argumentou.

Para o Secretário Valker Neves, “é importante destacar o trabalho conjunto que está sendo realizado pelas secretarias em prol de viabilizar essa importante iniciativa por parte da Prefeitura Municipal. Enaltecer também o trabalho da equipe da Semas, que dá esse pontapé inicial, ouvindo os moradores sobre as expectativas de cada um, para que tenham uma vida mais digna e com qualidade para todas as famílias na comunidade”, argumentou.

Para Joelma Martins, diretora de Proteção Básica da Semas, “o projeto em si é fruto de um trabalho de pesquisa realizado pelo prefeito Bruno Cunha Lima em outros municípios no sentido de melhorar o dia a dia das comunidades. O benefício de um projeto como esse com alto impacto social e baixo custo, vai fazer diferença na vida das pessoas que moram no bairro”, salientou.

Nesta quinta e sexta (16 e 17 de setembro), a Secretaria de Planejamento (Seplan), vai realizar oficinas com a participação dos moradores que aderiram e querem inclusive contribuir com o andamento do projeto, que será entregue no final do mês, como parte da programação da campanha Setembro Amarelo, promovida pela PMCG, por meio da Coordenadoria de Saúde Mental.

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe