Por pbagora.com.br

O Procon de Campina Grande promove nesta quinta-feira, 27, em sua sede, uma entrevista coletiva onde explicará as resoluções que serão tomadas para com os postos de combustíveis e distribuidoras, que atuam no estado, acerca dos altos e diferenciados preços que são praticados na cidade.

Na oportunidade, o coordenador executivo do Procon, Rivaldo Rodrigues apresentará também o resultado da análise feita em toda documentação referente ao período de 1º de setembro a 30 de novembro deste ano, enviada pelos 55 postos que atuam em Campina Grande e distritos.

A intenção inicial dessa operação era compreender porque os postos de combustíveis não repassam para o consumidor as reduções divulgadas pela Petrobras. Além disso, entender porque Campina Grande tem hoje o preço mais alto praticado no estado. Além da análise da documentação haverá o anúncio das providências a serem tomadas pelo Procon e por outros órgãos competentes a temática.

PB Agora

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Notícias relacionadas

PB distribui mais 57 mil doses da CoronaVac para vacinação de idosos a partir dos 75 anos

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) distribui nesta sexta-feira (04) um novo quantitativo de imunizantes contra a Covid-19 para os 223 municípios paraibanos. São 57 mil doses da vacina…

Mulher morre em Hospital de Sapé e família aponta negligência

Após uma mulher morrer no Hospital Municipal Sá Andrade de Sapé, sem conseguir ser transferida para o Hospital Universitário de João Pessoa, a unidade de saúde do interior da Paraíba…