O Diário da Justiça eletrônico desta quinta-feira (21) publicou ato do presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargador Márcio Murilo da Cunha Ramos, aplicando a pena de perda da Delegação à Oficiala Titular do Tabelionato de Notas e de Protestos e Ofício de Registro de Imóveis, Títulos e Documentos Civis das Pessoas Jurídicas da Comarca de Cabaceiras, Edeltrudes de Farias Maribondo.

A penalidade aplicada deve-se ao fato de que a Oficiala descumpriu com seus deveres funcionais, agindo com inobservância das prescrições legais e normativas dispostas no artigo 3º, § 4º, artigo 24, inciso IX, e artigo 28, todos do Código de Normas Extrajudicial da Corregedoria Geral de Justiça do Estado da Paraíba.

De acordo com a Portaria nº 2.840/2019, assinada pelo presidente do TJPB, também foi levado em consideração a decisão proferida no Processo Administrativo Disciplinar nº 0800486-23.2017.815.0111, que sugeriu a aplicação à Oficiala da pena de perda da delegação, como também as reiteradas reclamações e penalidades anteriormente aplicadas pelo descumprimento de seus deveres funcionais.

PB Agora com TJPB

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Contas de seis prefeituras e três recursos entram na pauta do TCE nesta 5ªfeira

O Pleno do Tribunal de Contas do Estado volta a se reunir, em sessão ordinária, nesta quinta-feira (27), para apreciar uma pauta de julgamentos com 11 processos, entre os quais,…

Namorada de estudante da UFPB morto a tiros não é vista desde o dia 16

A namorada de Clayton Tomaz, o Alph, estudante da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), que foi encontrado morto no dia 17 de fevereiro de 2020, conhecida como Selena Foxx, não…