Por pbagora.com.br

Nesta sexta-feira (20), o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de João Pessoa, Nivaldo Vilar, relembrou uma promessa do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV) de que não iria retroagir na flexibilização e consequentemente não iria determinar um novo fechamento do comércio por conta da covid-19.

Nivaldo declarou que a categoria tem consciência do aumento de casos e que as medidas de proteção para clientes, lojistas e funcionários, devem ser redobradas.

Entretanto disse ter sido procurado por muitos lojistas que estão temerosos com um novo lockdown, principalmente no período que antecede o Natal.

“Isso não existe (o fechamento do comércio). A gente tem a garantia do prefeito, que esteve aqui conosco, que não ia haver o fechamento. Mas a gente sabe que o vírus está aí, aumentando as contaminações. Isso nos preocupa muito. Houve um relaxamento da população em geral, o pessoal está perdendo o medo”, disse.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Valberto Lira não descarta dissolução de torcidas organizadas na PB

O procurador do Ministério Público da Paraíba e coordenador do Núcleo de Defesa do Consumidor, Valberto Lira, não descarta a possibilidade de solicitar o fim das torcidas organizadas. A medida…

OPINIÃO: Acordos e palavras empenhadas para 2022 têm o valor de risco n’água

Acordos políticos selados em 2020 com projeção para 2022 têm a consistência de um risco n’água. Ou seja, não valem nada e os agenciadores desses “compromissos” sabem muito bem disso.…