A Controladoria-Geral da União (CGU), constatou que a Prefeitura de Cajazeiras, no Sertão da Paraíba, não conseguiu comprovar gastos de cerca de R$ 300 mil com recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Os dados estão contidos no relatório da CGU divulgado essa semana.

De acordo com as informações da CGU,  a prefeitura recebeu pouco mais de R$ 18 milhões para a “Manutenção e Desenvolvimento do Ensino destinadas à Educação Básica Pública”, dos quais não conseguiu comprovar o uso do valor mencionado no primeiro parágrafo.

A CGU constatou ainda, a não realização da movimentação dos recursos exclusivamente na conta bancária específica do Programa o que, segundo o relatório, contraria o disposto no art. 2° do Decreto n° 7.507/2011 de autoria do Ministério da Educação.

As irregularidades apontadas no relatório da CGU serão enviadas para o Ministério Público Federal.

Confira trecho do relatório:

""

Redação


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Paraibano lança curso ensinando fazer robôs em plataforma internacional

Todos nós conseguimos perceber mudanças cada vez mais velozes no mundo. Em menos de uma década, passamos dos computadores de mesa e ambientes conectados apenas através de cabos para uma…

Faleceu neste domingo em João Pessoa o desembargador Júlio Paulo Neto

Faleceu na noite deste domingo (26), em João Pessoa o desembargador aposentado Júlio Paulo Neto. Aos 80, ele foi vítima de insuficiência renal. Júlio estava internado na Clinepa para tratamento…