O prefeito Vitor Hugo determinou à Secretaria de Administração o cancelamento do pagamento aos agentes políticos e servidores públicos afastados pelo Ministério Público da Paraíba por conta da operação Xeque-Mate.

A medida atende determinação do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) que, nesta quarta-feira (13) se manifestou pela ilegalidade e consequente suspensão de pagamentos, “salvo decisão de mesma esfera em sentido contrário”.

“Entendendo a ilegalidade desses pagamentos, resolvemos, de imediato, suspendê-los, atendendo determinação do TCE e, também, em respeito ao dinheiro público e à população”, destacou o prefeito Vitor Hugo.

 

Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

João Azevêdo confirma presença em Encontro de Administradores Tributários

O governador João Azevêdo confirmou presença no 2º Encontro de Administradores Tributários da Paraíba (EAT), que será realizado nos dias 7 e 8 de novembro, no Centro Cultural Ariano Suassuna,…

Incêndio já controlado, destrói parte de casa, em Campina Grande

Um incêndio assustou os moradores de Campina Grande, nesta segunda-feira (21). De acordo com o Corpo de Bombeiros, a casa pegou fogo e suspeita é de que uma pane no…