Por pbagora.com.br

Abriu de manhã e fechou a tarde. O prefeito Fábio Tyrone declarou, em vídeo publicado nas redes sociais na tarde desta terça-feira (2), que vai recorrer da decisão judicial que suspendeu parte de seu decreto que autorizava a reabertura do comércio em Sousa, no Sertão da Paraíba. O município estava, a partir de hoje, em retomada das atividades econômicas não essenciais, mas uma ação civil pública ajuizada pelo Sindicato dos Trabalhadores no Comércio e Serviços de Sousa e região impediu o plano.

Fábio Tyrone destacou que havia planejado o retorno com base nas condições de pandemia que Sousa registra atualmente, com apenas uma morte e uma pessoa internada. “Nós tomamos a decisão de flexibilizar as atividades econômicas de maneira estudada, consciente, baseados na realidade. Nós temos hoje uma taxa baixíssima de mortalidade. Duzentas e nove pessoas infectadas e, infelizmente, um óbito. Mas um óbito que representa 0,4% das pessoas infectadas. Hoje, apenas uma pessoa está internada em leito de enfermaria. As 142 pessoas que estão em casa estão recebendo apoio da prefeitura, da Saúde municipal.”

O comércio de Sousa foi parcialmente reabertou ontem durante a manhã, mas a tarde, uma decisão judicial determinou o fechamento das lojas,

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Edilma Freire dialoga com moradores do Timbó destaca investimentos na comunidade e defende mais ações de infraestrutura nos bairros

Na tarde deste sábado , dia 17, Edilma Freire, candidata do Partido Verde (PV) à Prefeitura de João Pessoa, esteve no Timbó, dialogando com a população sobre os investimentos realizados…

Justiça manda Artur Bolinha retirar propaganda com ataques a Bruno, em CG

A Justiça Eleitoral em Campina Grande determinou que o candidato Artur Bolinha, do PSL, retire imediatamente de veiculação a propaganda eleitoral em que faz ataques ao candidato Bruno Cunha Lima…