Um homem suspeito de matar o servidor público Gabriel Taciano de Oliveira, 33 anos, foi preso na tarde desta segunda-feira (18) após diligências realizadas de forma integrada pelas Polícias Civil e Militar. A vítima era agente socioeducativo da Fundação de Desenvolvimento da Criança e do Adolescente (Fundac).

O preso, de 23 anos, confessou a prática do crime e alegou que a motivação foi uma dívida de R$ 500. Ele foi autuado em flagrante delito por crime de homicídio triplamente qualificado por motivo fútil, sem defesa da vítima e com uso de requintes de crueldade.

Segundo o delegado Carlos Othon, da Delegacia de Crimes Contra Pessoa de João Pessoa (DCCPES/JP), o suspeito afirmou que mantinha um relacionamento homoafetivo com a vítima. “Ele (suspeito) explicou que os dois combinaram de se encontrar na praia de Jacarapé. Quando chegaram ao local, passaram a discutir por conta da dívida”, afirmou o delegado.

Durante a discussão, o suspeito passou a agredir a vítima com golpes de madeira e tentou asfixiar o servidor público. Em seguida, o suspeito jogou a vítima, ainda com vida, do alto de uma falésia, em Jacarapé.

Assim que o corpo foi localizado na manhã desse domingo (17), foi iniciado um trabalho integrado entre as Polícias Militar e Civil, que resultou na prisão do suspeito. Ele foi localizado no bairro do Cristo Redentor, em menos de 24 horas após o corpo da vítima ser encontrado.

O comandante do Regimento de Polícia Montada (RPMont), major Gleidistone Cavalcanti, disse que ele foi preso na mesma vila onde a moto da vítima tinha sido encontrada. “O corpo da vítima foi achado na manhã desse domingo, em Jacarapé, e, através de informes recebidos, chegamos até o local onde estava a moto do agente socioeducativo, em uma vila da Rua Elias Cavalcante, no Cristo. As diligências continuaram e, nesta segunda-feira pela manhã, conseguimos encontrar o suspeito, na mesma vila, sendo encaminhado para ser ouvido na delegacia de Homicídios”, contou.

Celulares da vítima e do suspeito foram apreendidos para serem submetidos a perícias. O suspeito foi submetido a exame de corpo de delito e será encaminhado para a carceragem. Em seguida, será apresentado ao Poder Judiciário.

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

João anuncia plano de retomada da economia na PB em live neste domingo

O plano de retomada da economia pelo Governo da Paraíba será anunciado neste domingo (31), às 18h, através de uma live nas redes sociais do governador João Azevêdo (Cidadania). Foi…

Bandeira tarifária verde será mantida no ano inteiro, anuncia ANEEL

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) decidiu manter a bandeira tarifária verde durante todo o ano de 2020. O anúncio foi feito nesta terça-feira (26/5), em Reunião Pública da…