A morte de um pai de Santo ocorrida em Barra de Gramame, em João Pessoa está sendo investigada pela polícia como execução.

Isso porque os indícios levam a polícia a crer que não há evidências para o latrocínio.

Apesar disso a polícia declarou que nenhuma linha de investigação será descartada.

O crime pode ter sido motivado por intolerância religiosa, já que foi constatado que um altar de santo na entrada da casa foi destruído, porém, o autor do crime não mexeu no terreiro.

Outro fator que aponta para a possibilidade de execução é que o pai de santo foi morto com 10 tiros. Além disso, toda a comunidade sabia que tanto ele, quanto seu companheiro estavam desempregados e viviam de doações. A casa também era humilde e não tinha muro.

Mais informações a qualquer momento.

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

População reage a carreata jogando ovos, xingando e fazendo panelaço em JP

A população reagiu forte a carreata realizada neste sábado em João Pessoa. Jogando ovos, xingando e fazendo panelaço, os pessoenses reagiram com indignação a carreata. Promovida por apoiadores do presidente…

Comerciantes fazem carreata para pedir abertura do comércio em João Pessoa

Mesmo com as recomendações dos especialistas para evitar aglomeração de pessoas em tempos de combate ao novo coronavírus, um grupo de comerciantes fez uma carreata para pedir a abertura do…