Por pbagora.com.br

A Polícia Civil está investigando a morte de uma mulher após a aplicação de silicone industrial. Maísa Andrade morreu nesta quarta-feira (5), no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, e teria feito o procedimento em uma clínica clandestina no bairro do Varadouro, segundo um amigo da vítima.

De acordo com a assessoria do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), a mulher foi socorrida na terça-feira (4) com taquicardia, hipertensão, vômitos e convulsões. Apesar de estar desorientada, ela ainda estava consciente e informou aos socorristas que tinha aplicado o silicone industrial.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Covid: Saúde da PB refaz alerta para prevenção e anuncia aumento de leitos

O secretário executivo do Estado da Saúde, Daniel Beltrame, anunciou que a secretaria tem adotado medidas visando o aumento da disponibilidade de leitos destinados a pacientes com covid-19 em todo…

Morre a segunda vítima de ataques a pauladas e pedradas, em Patos

O ex-bailarino e cozinheiro Antônio Matias Neto, conhecido como “Toinho” de 35 anos não resistiu aos ferimentos e faleceu ontem, terça-feira, 01 de dezembro, menos de 24h após ter sido…