A Polícia Civil está investigando a morte de uma mulher após a aplicação de silicone industrial. Maísa Andrade morreu nesta quarta-feira (5), no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, e teria feito o procedimento em uma clínica clandestina no bairro do Varadouro, segundo um amigo da vítima.

De acordo com a assessoria do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), a mulher foi socorrida na terça-feira (4) com taquicardia, hipertensão, vômitos e convulsões. Apesar de estar desorientada, ela ainda estava consciente e informou aos socorristas que tinha aplicado o silicone industrial.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Bruno escolhe partido em março: “Após o carnaval as coisas começam a acontecer”

Após ter o nome envolvido em especulações de que estaria sendo cotado para assumir o comando do Cidadania em Campina Grande, o ex-deputado Bruno Cunha Lima (sem partido) anunciou para…

Análise: ficando provado que presos acusados de compor uma Orcrim não tem culpa, quem paga a conta?

Generalizemos e evitemos mencionar nomes, até para que não se forme juízo de valor influenciado por simpatias, antipatias, vinganças, apreço, ou coisa que o valha. Vamos lá: Imagine você que…