A Prefeitura de Campina Grande, através da STTP, realizou na manhã desta sexta-feira, 24, no Terminal de Integração, uma campanha de vacinação da H1N1 beneficiando desta vez todos os motoristas de transporte coletivo urbano dos Consórcios Santa Maria e Santa Verônica.

O dia “D” de vacinação para os motoristas profissionais foi uma ação conjunta da STTP com a Secretaria Municipal de Saúde, com apoio do Sitrans e do Sest Senat, promovendo vacinação de proteção contra o vírus.

A estratégia de imunização atingiu cerca de 200 profissionais que foram atendidos pelas equipes de saúde durante a campanha. A disponibilização das vacinas é uma etapa importante para a prevenção de problemas relacionados à saúde dos motoristas, que constituem um grupo de alto risco de contaminação, decorrente do contato diário com o grande volume de pessoas que utilizam o transporte coletivo em Campina Grande.

Segundo o superintendente da STTP, Félix Neto, “Os motoristas de ônibus continuam trabalhando para manter o serviço, que é essencial para o deslocamento e a mobilidade da população, e é nosso dever garantir as condições necessárias para a segurança dos profissionais que estão diariamente na linha de frente”, destacou Félix.

Também chamada de Influenza A ou gripe suína, a gripe provocada pelo vírus H1N1, ficou conhecida entre 2009 e 2010, quando desencadeou um surto de contaminação em diversos países do mundo. Atualmente, a vacinação é o meio mais eficiente para o controle de transmissão do vírus. Embora o patamar de casos tenha se estabilizado, a gripe H1N1 ainda recebe atenção especial por parte das autoridades da saúde pública.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PMCG paga salário de servidores nestas quarta, quinta e sexta-feiras

Ainda durante a live da tarde desta segunda-feira, 25, o prefeito Romero Rodrigues anunciou o calendário de pagamento relativo ao mês de maio, dos servidores municipais de Campina Grande. De…

Governo da PB presta contas das medidas tomadas até agora durante a pandemia

A contratação de profissionais de saúde, a ampliação de leitos, aquisição de testes rápidos para alta testagem da população e abertura de novos hospitais estão entre as principais medidas tomadas…