Por pbagora.com.br

O pedido de aposentadoria do conselheiro afastado do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) Arthur Cunha Lima foi suspenso por ministro do O Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A decisão, do ministro Francisco Falcão, atende a um pedido cautelar feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR).

Arthur foi afastado do cargo após ser acusado de participar do grupo criminoso investigado pela Operação Calvário, da Polícia Federal, que apura desvio de recursos da saúde e educação por meio de organizações sociais. O pedido de aposentadoria foi protocolado na Paraíba Previdência (PBPrev) no dia 13 de novembro, mas se tornou público na terça-feira (24).

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Paraíba registra mais de 1.270 novos casos de covid em 24h

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) registrou, nesta quarta (20), 1.272 casos da Covid- 19. Entre os confirmados hoje, 55 (4,32%) são casos de pacientes hospitalizados e 1.217 (95,68%)…

Taxa de ocupação de leitos covid no Sertão salta de 40% para 74% em cinco dias

A taxa de ocupação de leitos covid voltou a subir no Sertão da Paraíba. De acordo com o último boletim epidemiológico emitido nesta terça-feira (19) pela Secretaria de Estado da…