A Paraíba o tempo todo  |

Paraibanos passam mais de 6h por dia conectados à rede

 A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio 2014 (Pnad), divulgada no último dia 13, mostra que a questão geracional é preponderante no meio tecnológico. No ano passado, cerca de 95,4 milhões de pessoas de 10 anos de idade ou mais acessaram a internet, o que significa um crescimento de 11,4% no número de usuários, na comparação com 2013. Foram 9,8 milhões a mais de brasileiros conectados. Paraibanos são ‘viciados’ em internet e passam mais de 6h por dia conectados à rede Estado lidera acessos à rede, em média, de segunda a sexta-feira; levantamento ouviu 18 mil pessoas; entre os usuários da internet no Brasil, 76% acessam a rede todos os dias.

 

A pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revela, ainda, que 136,6 milhões de pessoas acima de 10 anos tinham celular para uso pessoal em 2014, um aumento de 4,9% em relação ao ano anterior. A proporção desse grupo entre a população ficou em 75,2%, em 2013, passando para 77,9% do total, no ano seguinte.

A proporção de internautas subiu de 49,4% para 54,4% do total da população residente no país. Segundo a Pnad, a população residente no país em 2014 correspondia a 203,2 milhões de pessoas, o que indica crescimento de 0,9% em relação a 2013. Enquanto a participação de pessoas maiores de 60 anos (13,7% do total) cresceu 0,7 ponto percentual no período pesquisado, o grupo etário até 24 anos teve sua participação (38%) reduzida em 0,8 ponto percentual na comparação com o ano anterior.

 

Analfabetismo
A Pnad 2014 revelou também que, entre as pessoas acima de 15 anos de idade, a taxa de analfabetismo diminuiu de 8,5% para 8,3%. O Brasil tinha 13,3 milhões de pessoas analfabetas em 2013. No ano passado, esse contingente era de 13,2 milhões.

 

O Nordeste continua detendo a taxa mais elevada de analfabetismo, da ordem de 16,6%. Já as menores taxas foram apresentadas pelas regiões Sul (4,4%) e Sudeste (4,6%). A pesquisa mostra que, entre os analfabetos, 8,6% eram homens e 7,9%, mulheres.

Houve um aumento da escolarização no país, no ano passado. O maior crescimento foi identificado entre crianças de 4 e 5 anos de idade, cuja taxa subiu de 81,4%, em 2013, para 82,7%, em 2014.

 

Paraíba – A televisão ainda é o principal meio de comunicação no Brasil, mas os brasileiros e, sobretudo, os paraibanos, já chegam a passar mais tempo navegando na internet do que na frente da TV. A informação está contida na Pesquisa de Mídia Brasileira 2015, divulgada recentemente pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República.

De acordo com a análise, que engloba todo o âmbito midiático brasileiro, avaliando jornais, revistas, rádio, televisão e internet, a população da Paraíba é a mais ‘viciada’ na rede mundial de computadores no período de segunda a sexta-feira.

 

Dados do nosso estado, contidos em um gráfico da pesquisa, indicam que o paraibano passa, em média, seis horas e 26 minutos navegando por dia, de segunda a sexta-feira. É o maior tempo entre todas as unidades da federação. A Paraíba é seguida por Pernambuco, com seis horas e 19 minutos, e por Tocantins, com seis horas. A média nacional ficou em quatro horas e 59 minutos.

 

 

No entanto, nos fins de semana, Pernambuco e Tocantins assumem o posto de ‘maiores viciados’, com média de cinco horas e 39 minutos. Nessa situação, a Paraíba fica em segundo, com cinco horas e 28 minutos, empatada com Santa Catarina.

A média brasileira de tempo assistindo à TV fica em quatro horas e 31 minutos por dia nos dias de semana e quatro horas e 14 minutos aos sábados e domingos. O paraibano passa, em média, cinco horas e 35 minutos assistindo TV durante os dias úteis e quatro horas e 30 minutos no fim de semana.

“A diferença (entre TV e Internet) ainda é pequena, mas mostra uma tendência importante e que deve ser analisada. O tempo (de uso das redes) dá um parâmetro de como o brasileiro está migrando de forma consolidada para os meios de comunicação digitais”, avaliou o ministro da Secretaria de Comunicação, Thomas Traumann.

 

O levantamento ouviu 18 mil pessoas. Entre os usuários da internet no Brasil, 76% acessam a rede todos os dias. O pico de uso é às 20h, tanto nos dias úteis quanto nos fins de semana. De acordo com a pesquisa, 67% acessam a rede em busca de informações ou notícias, mesmo percentual dos que dizem entrar na internet para buscar entretenimento.

 

Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe