Por Wellington Farias

Ainda bem, né?!
O Tribunal de Contas do Estado, segundo noticiou nesta quarta-feira (3) o PB Agora, já alertou prefeitos e vereadores paraibanos de que eles não podem, de jeito nenhum, aumentar os seus próprios salários este ano. Finalmente, alguém deu um basta no que seria – se mantida – uma verdadeira farra com o dinheiro público.

Leia também:
TCE: prefeitos e vereadores não podem reajustar próprios salários este ano na PB

O curioso é que tanto vereadores como prefeitos, criam mil desculpas para não autorizar aumento aos humilhantes salários dos servidores, geralmente porque o erário não dispõe de recursos. Mas para bancar os salários exorbitantes deles próprios, geralmente aprovados na calada da noite ou em sessões secretas, não falta grana.

Lei
A decisão do TCE-PB atende exclusivamente ao rigor da Lei Complementar nº 173/20, editada em decorrência da calamidade pública do Covid-19 e publicada em maio de 2020. E foi motivada por consultas prévias do prefeito de Sousa, Fábio Tyrone, e pelo presidente da Câmara do mesmo município, Radamés Estrela. Os salários terão que ser igual àqueles pagos em 2020.

Melhor pensando, deveria existir uma lei que disciplinasse melhor essa questão de salários de prefeitos e vereadores. Porque a cada legislatura se faz uma verdadeira farra com o dinheiro do contribuinte.

Senado
Duas famílias campinenses se fortalecendo cada vez mais na política paraibana: Vital do Rêgo e Ribeiros. Os Vital têm, nada mais nada menos, dois senadores, Nilda Gondim e Veneziano Vital, mãe e filho, sendo que este acaba de se eleger primeiro vice-presidente do Senado.

A família Ribeiro, por sua vez, tem a primeira senadora mulher da Paraíba, Daniella, e o irmão, Agnaldo, deputado federal com grande influência na Câmara dos Deputados.

Agradecimento
O desembargador Márcio Murilo endereça agradecimento à coluna pelo espaço disponibilizado para informações sobre a Justiça da Paraíba. Márcio Murilo concluiu o seu mandato de presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, sendo substituído pelo colega desembargador Saulo Henriques de Sá e Benevides.

Por Wellington Farias

Notícias relacionadas

UFPB: chuva invade prédio da STI e Data Centers podem ser desligados

Um vídeo enviado à redação do PB nesta sexta-feira (26) mostra uma das salas do prédio da Superintendência de Tecnologia da Informação, campus João Pessoa, sendo invadido pela água das…

PMCG já depositou nesta sexta-feira salários de fevereiro dos servidores

Prefeito Bruno Cunha Lima destaca esforço do Município pela manutenção do equilíbrio fiscal frente às crises econômica e fiscal que atingem todos os municípios brasileiros   O pagamento da folha…