Em coletiva de imprensa concedida nesta segunda-feira (17) durante sua passagem surpresa por João Pessoa, o ministro da Justiça Sérgio Moro ressaltou o trabalho desenvolvido pela superintendência da Polícia Federal na Paraíba.

Moro destacou as operações realizadas no estado no combate à corrupção a exemplo da Xeque-Mate, Calvário e Pés de Barro e afirmou que a Paraíba tem uma excelente integração entre as polícias federais, polícias locais, guardas municipais e outras instituições.

Ele veio para conhecer a nova sede da Polícia Federal que foi inaugurada em agosto do ano passado.

À época, o ministro da Justiça Sergio Moro cancelou de ultima hora a vinda para participar do evento, alegando um compromisso urgente em Brasília.

‘O Ministério da justiça apoia o bom trabalho policial” declarou hoje.

Na Paraíba o ministro também defendeu a importância da prisão em 2ª instância e de integração entre as polícias.

“O governo federal sempre reconheceu o mérito dos governos estaduais. A política tem sido de trabalhar junto, duro e reduzir os crimes porque pro cidadão comum não interessa quem resolveu o crime. Essa tem sido a política dentro do ministério. Mas observamos que é muito difícil dizer por quais motivos os índices de violência crescem e quais as causas da diminuição, é um conjunto de vários fatores, mas nós nunca invocamos um responsabilidade federal exclusiva porque esse tipo de discussão é uma bobagem. Há muito a ser feito, muito crime a ser combatido pelas policias todas e tudo se torna melhor quando feito em conjunto” pontuou.

OUÇA

PB Agora

 

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mais de 25 mil famílias não pagarão conta de água à Cagepa até junho

Os usuários da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Carepa) que estão inseridos na categoria Tarifa Social terão a cobrança de suas faturas suspensas. A medida foi anunciada nesta…

Exame confirma Covid-19 em enfermeiro da PB que morreu em SP

Na manhã desta quinta-feira (2), após liberação de exame, foi confirmada a morte por Covid-19 do enfermeiro paraibano Idalgo Moura dos Santos, de 45 anos, que morreu na última terça-feira…