O deputado federal Wilson Santiago (PTB) fez pronunciamento na Câmara dos Deputados destacando a importância do Consórcio Nordeste para a geração de emprego, renda e diminuição da pobreza na região.

“O Consórcio Nordeste tem um objetivo muito grande. Primeiro, promover o desenvolvimento do Nordeste; segundo, reduzir custo da aquisição de materiais e equipamentos que atendem aos estados do Nordeste, além de fazer que a região seja melhor vista no cenário nacional no que se refere à geração de emprego, de renda e incentivos para que se instalem cada vez mais indústrias”, comentou.

Para se ter uma ideia da importância da Consórcio, em novembro deste ano, os governadores realizaram uma licitação conjunta para a compra de dez medicamentos para a rede de saúde dos nove estados e conseguiram economizar 30%. O valor global da aquisição de medicamentos que vão abastecer hospitais públicos da região seria de R$ 166 milhões se cada estado adquirisse os produtos de forma individual. Com o mecanismo coletivo, a quantia caiu para R$ 118 milhões.

A junção visa ainda explorar o potencial econômico da região na energia renovável, tendo em vista que o Nordeste propicia condições climáticas ideais para a energia eólica e a energia solar; além do turismo, reduzindo a competição predatória entre os estados, aumentando a conexão litorânea entre Piauí, Maranhão e Ceará, criando uma rota única de turismo entre estados com biomas e culturas semelhantes.

Em novembro deste ano, os governadores viajaram para a Europa e se reuniram com aproximadamente 96 empresas da França, Itália e Alemanha, que se mostraram interessadas em fazer negócios no Nordeste brasileiro. Nos encontros realizados em Paris, Roma e Berlim, nas reuniões com empresários e representantes desses países europeus, os gestores nordestinos também explicaram o funcionamento do consórcio e o potencial econômico dos estados do Nordeste, um mercado de 57 milhões de consumidores.

Criado em março deste ano o Consórcio objetiva ainda a implementação de políticas públicas e sociais conjuntas; licitações conjuntas, barateando o custo de produtos e serviços e ações articuladas das forças de segurança pública.

 

Redação com Assessoria

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Tibério confirma desistência da disputa pela reeleição na CMJP

Atual secretário de Desenvolvimento Humano do Governo da Paraíba, o vereador licenciado Tibério Limeira (Cidadania), confirmou nesta sexta-feira (03) que estará fora da disputa pela reeleição na Câmara Municipal de…

Análise: os “mamadores” do governo Cartaxo e o desprezo à vida deixam prefeito em situação de “calamidade” técnica

Os que me conhecem, sabem! Sou completamente apaixonado pela história da humanidade e, quando adulto, desenvolvi paixão acentuada pelos praças paraibanos que foram à Itália, em situação precária, combater o…