A Paraíba o tempo todo  |

MPF da PB prorroga trabalho remoto até o dia 1º de agosto; retorno gradual no dia 2

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O trabalho remoto nas seis unidades do Ministério Público Federal (MPF) na Paraíba foi prorrogado até 1º de agosto de 2021, com exceção das atividades administrativas essenciais, de manutenção do funcionamento com segurança das unidades, incompatíveis com o teletrabalho. Elas continuam presenciais por meio de escalas de trabalho. A prorrogação do trabalho remoto foi definida por meio da Portaria PR/PB nº 137, assinada em 22 de julho de 2021, pelo procurador-chefe Sérgio Rodrigo Pimentel de Castro Pinto.

O retorno gradual das atividades presenciais ocorrerá no dia 2 de agosto, mantendo-se a redução do número de pessoas em circulação nas sedes do órgão, diante da necessidade de conter a propagação da covid-19 e de preservar a saúde dos integrantes do órgão e da população. De acordo com a Portaria PR/PB nº 153, de 23 de julho de 2021, que regulamenta o retorno, as atividades presenciais serão, preferencialmente, exercidas por servidores, funcionários terceirizados e estagiários que já tenham sido plenamente vacinados com as 1ª e 2ª doses ou com a dose única, a depender do imunizante, decorrido o tempo de resposta de três semanas, sem prejuízo da possibilidade de concessão de teletrabalho.

Atendimento continua online – Com esse cuidado, o atendimento ao público externo será mantido ainda pela via remota, preferencialmente, por telefone e mensagem eletrônica. Apenas haverá atendimento presencial em casos excepcionais e quando estritamente necessário, mediante prévio agendamento. A Sala de Atendimento ao Cidadão (SAC) utilizará, de forma prioritária, o MPF Serviços, disponível à população na internet, por meio do endereço mpf.mp.br/mpfservicos e nos celulares smartphones através do aplicativo MPF Serviços.

Da Redação com Assessoria

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe