Por pbagora.com.br

O Ministério Público da Paraíba emitiu uma recomendação oriantando que o prefeito de Alhandra, Renato Mendes, convoque os 300 candidatos aprovados no concurso público homologado em outubro de 2016. O documento, assinado pela promotora Ilclécia Cruz, tem o objetivo de evitar a contratação temporária de funcionários na gestão.

A recomendação foi discutida ontem, quinta-feira (09) durante reunião entre a promotora, o prefeito e aprovados no concurso realizado pela gestão anterior. A promotora deu um prazo de 20 dias para que a Prefeitura encaminhe a lista de classificação final do certame e o número de cargos vagos no município. A Prefeitura deve enviar por escrito que aceita a recomendação e as medidas que estão sendo tomadas para a contratação dos concursados.

 

O não cumprimento da recomendação acarretará na adoção de todas as medidas judiciais e extrajudiciais cabíveis. Ao todo, 300 vagas foram oferecidas em diversas áreas, com vencimentos que variam de R$ 880 a R$ 3,5 mil mensais ou entre R$ 200 e R$ 900 por plantão.

 

Redação

Notícias relacionadas

Vacinação contra a Influenza começa nesta segunda em Campina

A campanha segue até julho e conta com um cronograma em três fases   A Campanha de Imunização da Influenza começa amanhã, segunda, 12, em Campina Grande, quando de 100…

Edital do concurso da Polícia Civil da PB deve ser lançado ainda no 1º semestre

O integrante da comissão do concurso da Polícia Civil da Paraíba, delegado Bergson Vasconcelos, revelou, em entrevista ao telejornal ‘Bom Dia Paraíba’ desta segunda-feira (12), detalhes do andamento do processo…