A Paraíba o tempo todo  |

MP-Procon investigará bancos por descontar parcelas de servidores que fizeram consignados

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O MP-Procon do Ministério Público da Paraíba (MPPB) abriu um Procedimento Preparatório para investigar instituições financeiras que teriam cobrado as parcelas de empréstimos consignados feitos por servidores públicos do Estado da Paraíba.

O procedimento foi aberto pelo promotor Francisco Bergson Gomes Formiga Barros, vice-diretor geral do MP-Procon, no dia 28 de junho.

A suspensão da cobrança das parcelas foi aprovada pela Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) e sancionada pelo Governo do Estado no dia 3 de junho do ano passado, com validade de 120 dias. Ainda em outubro do ano passado, a suspensão foi ampliada por mais 180 dias.

Confira:

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe