A Paraíba o tempo todo  |

MP e Brasilgás poderão fazer campanha sobre GPL‏

O promotor de Defesa dos Direitos do Consumidor da Capital, Glauberto Bezerra, recebeu, na tarde desta quarta-feira (23), a representante executiva da Brasilgás, Samantha Tavares, acompanhada do advogado da empresa, Fábio Antério, onde discutiram sobre uma parceria com o Ministério Público da Paraíba para lançar uma campanha de conscientização e segurança sobre o uso do gás de cozinha (GLP).

Segundo explicou Samantha Tavares, que expôs o projeto ao Promotor, a intenção da campanha é esclarecer ao consumidor que é mais seguro adquirir os gás de cozinha através de revendedor autorizado. “Nosso objetivo principal é esclarecer ao consumidor a importância de comprar o gás de cozinha em revendedores autorizados, porque fazendo isso ele estará adquirindo, além de um produto de extrema necessidade, a segurança”, afirmou Samantha.

Para Glauberto Bezerra a intenção do MP é não só a repressão, mas também agir de forma pedagógica em defesa da sociedade. “A vocação precípua do Ministério Público é a proteção de todos os direitos humanos e com isso buscar a dignidade da pessoa humana. Hoje se trabalha com o que é denominado de segurança humana, pois até a falta de informação produz insegurança. Estamos convocando todas as empresas, a Brasilgás é a primeira a chegar com uma proposta concreta no sentido de, juntamente com instituições de controle social, lançar uma campanha esclarecedora para que o consumidor possa fazer valer seu direito”, enfatizou.

O material da campanha será composto de cartilhas ilustradas, contendo brincadeiras lúdicas e educativas com dicas de segurança, que serão distribuídas com crianças nas escolas públicas e um Curso de Culinária dirigido às donas de casa, secretárias do lar e interessados da área de alimentação. Além do curso serão abordados dicas de segurança, manuseio e instalação de botijões e distribuição de material informativo junto com as receitas.

Sindicato Nacional

O promotor de Justiça Glauberto Bezerra informou ainda que nesta quinta-feira (24), a partir das 14h00, estará recebendo, em seu gabinete, Sérgio Bandeira de Melo, presidente do Sindicato Nacional dos Revendedores de Gás GLP e que o Ministério Público está tomando as devidas medidas legais em relação aos revendedores ilegais de gás de cozinha.

“O processo continua. Não vai paralisar porque se está fazendo essa campanha, pois essa campanha é dirigida a proteção do consumidor e não do atravessador. E aqueles que cometeram o delito vão pagar a pena como a lei determina e nós não esqueceremos e continuaremos a fiscalização paralelamente ao trabalho de orientação à população para que própria população se proteja”. Enfatizou Glauberto.
 

 

Assessoria

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe