Próxima quarta (01), para celebrar o Dia do Trabalhador, um conjunto de sindicatos e movimentos sociais rurais e urbanos de Campina Grande e região realizará, à partir das 9h, na Praça da Bandeira, em Campina Grande, uma mobilização unificada.

A manifestação se une ao Dia Nacional de Luta contra a retirada de direitos e contra a Proposta de Emenda a Constituição – PEC nº 006/2019 da Reforma da Previdência que tramita no Congresso Nacional. Na Paraíba, ocorrerão atos semelhantes em diversas cidades, incluindo em João Pessoa, capital.

Na Praça da Bandeira a manifestação contará com carro de som, ato público e manifestações culturais. Segundo os organizadores, a intenção é chamar a atenção dos parlamentares paraibanos sobre a ameaça que essa proposta de reforma representa aos direitos dos trabalhadores rurais e urbanos a uma previdência pública.

Em Campina Grande, a movimentação reunirá cerca de mil pessoas, com caravanas vindas de cidades da região. Organizam a manifestação em Campina Grande: Força Sindical, Polo da Borborema, Nova Central, Central Única dos Trabalhadores – CUT, Central Sindical e Popular Conlutas, Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – CTB, Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra da Paraíba – MST-PB.

PB Agora

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Convênio entre ALPB, IBGE e Empaer vai atualizar limites municipais da PB

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) assinou, nesta terça-feira (18), convênio com a Empresa Paraibana de Pesquisa, Extensão Rural e Regularização Fundiária (EMPAER) e com o Instituto Brasileiro de Geografia…

Mídia nacional repercute elogio de Moro a operações da PF na PB

O site O Antagonista, conhecido nacionalmente por trazer à tona bastidores da política nacional e locais, trouxe publicação nas últimas horas destacando o elogio do ministro Sérgio Moro às operações…