As motos continuam fazendo vítimas na Paraíba e elevando as estatísticas de acidentes e mortes nas estradas.

Segundo dados do Departamento de Trânsito da Paraíba (Detran-PB), os acidentes de motos respondem atualmente a 75% dos acidentes de trânsito e a grande maioria dos leitos ocupados em hospitais de emergência e trauma do estado.

De acordo com informações do superintendente do Detran-PB, Agamenon Viera, cerca de 70% das ocupações nos hospitais são de pessoas acidentadas. E, desses, a grande maioria é de acidentes de motos.

A frota de veículos na Paraíba saltou de 257.279 veículos para 1.362.383, entre 2000 e 2019, segundo dados do Detran (PB). As motos respondiam por apenas 20,1% da frota em 2000, já que naquele ano só existiam 51.862 delas circulando na Paraíba. Em 2019, contudo, as motos já eram 45,19% da frota, visto que passaram a ser 615.696 delas. Uma realidade que resulta em acidentes, mortes, hospitais superlotados, milhões e milhões de reais investidos em saúde pública.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Municípios têm até domingo para declarar interesse no auxílio emergencial, na PB

A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup) lembra que os gestores municipais têm até domingo (7) para comunicar à Secretaria do Tesouro Nacional, por meio de uma declaração…

Comissão aprova proibição de apreensão de veículos com IPVA em atraso na PB

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa da Paraíba aprovou nesta terça-feira (02) a proibição da apreensão de veículos que estejam com o IPVA e taxas de licenciamento…