Populares de João Pessoa vem utilizando os meios de comunicação para cobrar da prefeitura da capital, mais atenção com seus bairros no tocante a uma suposta ‘indústria da multa’ da PMJP e sobre o descaso com a saúde municipal.

Segundo a servidora Pública de João Pessoa Lucicleide Higino, está havendo na cidade uma verdadeira ‘indústria da multa’ promovida pela prefeitura da capital. “Gostaria de chamar a atenção para a indústria da multa que agora com câmeras nos semáforos passaram a faturar dobrado. Acontece que o sinal AMARELO é tão (propositalmente) rápido que quando você chega à faixa de pedestre no cruzamento e o sinal amarelo acende ou você freia bruscamente ou se passar não dá tempo de chegar do outro lado. E tome multa”, disse Lucicleide Higino.

Outra moradora da capital que fez se indignar através dos meios radiofônicos foi Maria das Graças, dona de casa, de João Pessoa. “A cada dia vemos que a atenção com a saúde em João Pessoa só piora. Apesar d não ser feriado, o dia de Corpus Christi adotado como tal pelos médicos e funcionários de Unidades Básicas de Saúde. Na unidade Timbó, no Bancários, ao procurar atendimento para o meu pai a funcionária disse que “o médico está em visita domiciliar”. Alertada que o feriado seria na quinta, ela disse que o médico também não iria na sexta-feira. Assim não tem gerente que dê jeito”, finalizou.


Redação

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Desvio no IPAM provoca nova decisão de afastamento contra Berg Lima

O desembargador Joás de Brito Pereira Filho determinou o afastamento cautelar do prefeito do Município de Bayeux, Gutemberg de Lima Davi (Berg Lima), em razão do desvio de recursos do…

MPPB volta a denunciar Berg Lima por ‘rosário de crimes’, em Bayeux

O Ministério Público da Paraíba protocolou mais uma denúncia contra do prefeito de Bayeux, Gutemberg de Lima Davi, nessa quarta-feira (27/05). Dessa vez, por desvio de verbas que deveriam ser…