O governador João Azevêdo manteve audiência, nesta quarta-feira (18), com o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Augusto Nardes, ocasião em que apresentou o aplicativo ‘Preço da Hora’, desenvolvido na Paraíba, numa parceria entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Fazenda (Sefaz) e da Companhia de Processamento de Dados da Paraíba (Codata), do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) e da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Na oportunidade, o gestor paraibano foi convidado para ministrar palestra sobre a ferramenta nos dias 28 e 29 de novembro, durante um seminário promovido pelo órgão, na Capital Federal.

 

“Nós tivemos a oportunidade de apresentar o Preço da Hora, visando, no futuro, o uso desse aplicativo no serviço público, e recebemos o convite do ministro para apresentarmos essa ferramenta em um seminário promovido pelo TCU nos dias 28 e 29 de novembro. Essa é uma experiência importante da Paraíba, que está sendo levada para todos os Estados do Nordeste e, quiçá, poderá ser espalhada para todo o Brasil”, ressaltou o governador.

O instrumento de transparência permite pesquisar o valor de quase um milhão de itens comercializados em 121.590 estabelecimentos distribuídos nos 223 municípios do Estado e será expandido para todo o Nordeste, após a assinatura de um convênio, realizada na última segunda-feira (16), durante Encontro do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste (Consórcio Nordeste), em Natal, entre todos os governadores da Região.

O secretário da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente, Deusdete Queiroga, e o chefe de Gabinete, Ronaldo Guerra, também participaram da reunião no TCU.

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Nós vamos estar prontos caso isso ocorra” diz João sobre óleo nas praias

Após reunião técnica para debater a questão do óleo que está castigando o litoral nordestino, mas que ainda não chegou à Paraíba, o governador João Azevêdo (PSB) detalhou no início…

TJPB suspende dispositivo da lei das emendas impositivas no Município de João Pessoa; decisão cabe recurso

Na sessão desta quarta-feira (23), o Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba referendou a medida cautelar deferida monocraticamente pelo desembargador Leandro dos Santos, suspendendo a eficácia do § 5º…