Por pbagora.com.br

Devido ao aumento dos testes que detectam o coronavírus, o registro de casos da doença no Brasil deve crescer a partir de abril. A informação foi dada por autoridades do Ministério da Saúde, em entrevista coletiva realizada no Palácio do Planalto na última semana.

Segundo o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, possivelmente há uma subnotificação de casos da Covid-19 no país, pois, até agora, não havia testes que atendessem à demanda da população.

O ministro explica que o aumento de ocorrências do coronavírus pode ocasionar queda de mortes pela doença, pois o aumento do número de óbitos está diretamente relacionado à baixa testagem da Covid-19.

“Vocês vão ver muitos casos confirmados. E isso vai fazer o quê? Se você aumenta o número de casos confirmados, você diminui a letalidade, pois a letalidade é o número de óbitos versus o número de casos confirmados. Hoje, o número de casos notificados está muito menor que o número de casos confirmados na nossa sociedade.”

Ao todo, o Ministério da Saúde distribuiu 54 mil testes que identificam o coronavírus a todos os estados do país. Os testes RTP-CR são utilizados para o diagnóstico da Covid-19 já em estágio avançado. O secretário de Vigilância em Saúde do Ministério, Wanderson Oliveira, explica.

“Os laboratórios estão ganhando, cada vez mais, velocidade e capacidade de produção. Nós tivemos, no final de fevereiro, a capacitação dos profissionais de laboratório que ainda não tinham realizado os testes RTP-CR, então eles estão fazendo com mais frequência.” 

Além desses, a mineradora Vale doou 5 milhões de testes rápidos para profissionais de saúde e de segurança, que já começaram a ser distribuídos por todo o Brasil.

Para mais informações, acesse: saude.gov.br/coronavírus.

 

Agência Rádio

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Inmet emite dois alertas de baixa umidade para 129 municípios da PB

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta amarelos e um laranja de baixa umidade para 129 municípios da Paraíba. Com isso, 74 cidades estão sobre o alerta amarelo…

Acidentes com animais peçonhentos prevalecem na zona rural da PB

Até este mês de setembro, a Paraíba já registrou 3.649 acidentes com animais peçonhentos (serpentes e escorpiões). Os acidentes são predominantes em zona rural, onde a população está mais exposta…