Por pbagora.com.br

Todos os anos, o Tesouro Nacional atribui uma nota de A a D para os Estados e municípios do país com relação às finanças de cada um deles.

A nota é calculada com base na dívida, na poupança e na quantidade de dinheiro em caixa para honrar as obrigações.

A Paraíba, apesar da crise causada pela pandemia da Covid-19, conseguiu nota B na capacidade de Pagamento (Capag). Na região Nordeste apenas três estados conseguiram a nota e além da Paraíba, Ceará e Alagoas também obtiveram a segunda maior nota no quesito.

O governador João Azevêdo comemorou a colocação e frisou que continua honrado as obrigações inclusive com o pagamento adiantado do 13º e com a folha em dia, o que infelizmente não vem acontecendo na maioria dos estados brasileiros.

“A Paraíba está entre os 8 estados do Brasil com Nota B na Secretaria do Tesouro Nacional. Mesmo diante do cenário de crise gerado pela pandemia, a Paraíba consegue manter a boa avaliação das suas finanças, pagando a folha em dia, adiantando 13º e horando suas obrigações” declarou o gestor estadual.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Walber vira chacota no Antagonista, Band e até Estadão após ‘defender corrupção’

O pré-candidato à prefeitura de João Pessoa, Walber Virgolino (Patriota) caiu nas graças da mídia nacional nas últimas horas após uma declaração infeliz feita ontem, quinta-feira (17), durante o primeiro…

Apesar da pressão de RC, PSB Nacional rejeita aliança com PT em JP

A decisão do PT nacional de intervir na eleição à Prefeitura de João Pessoa e determinar ontem a retirada da candidatura do petista Anísio Maia para apoiar o ex-governador Ricardo…