Brasília(DF), 07/10/2015 – Postos de combustíveis aumentam o valor do etanol. Posto Ipiranga 114/115 norte . Foto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

O menor preço da gasolina na Capital está sendo praticado a R$ 4,329, registrando uma leve queda em relação ao último dia 10, quando estava em R$ 4,389, de acordo com pesquisa comparativa realizada pelo Procon-JP. Os postos que estão comercializando o produto pelo menor preço são Ataíde Bezerra (Beira-Rio), Expressão e Torre Expressão (Torre), Expressão e Kennedy (Bessa) e Expressão Tambaú).

O levantamento completo está disponível no link: https://midi.as/G-N2

A pesquisa foi realizada no dia 30 de julho e, dos 103 postos em atividade em João Pessoa, 101 reduziram o preço da gasolina em relação ao  levantamento anterior do Procon-JP. O maior preço do produto também mostrou queda, sendo praticado, hoje, a R$ 4,469 (Big – Tambaú), quando no início deste mês estava em R$ 4,599.

O secretário Helton Renê adianta que a pesquisa atual também mostrou redução em outros tipos de combustíveis, como o álcool e o óleo diesel. “O interessante é que a grande maioria dos postos que estão em atividade na Capital reduziram o preço da gasolina, assim como ocorreu com o etanol e o diesel. Vamos continuar monitorando o mercado pelo menor duas vezes por mês”.

Álcool – O menor preço do etanol caiu de R$ 3,450 para R$ 3,380 (Posto GF – Centro), o mesmo caso do maior valor, que saiu de R$ 3,799 para R$ 3,749 (Quadramares – Manaíra). Quinze postos mantiveram o preço do produto e 83 reduziram. Nenhum estabelecimento aumentou.

Diesel S10 – Quanto ao óleo diesel S10, o menor preço está em R$ 3,389 (Texas – Funcionários II), mostrando queda em relação à pesquisa do dia 10 de julho, que era R$ 3,449. O maior valor se manteve em R$ 3,899 (Select -Tambaú). Um posto aumentou, 62 reduziram e 28 mantiveram o preço do produto em comparação com a pesquisa anterior.

GNV – Em relação ao Gás Natural Veicular (GNV), o menor e o maior preços se mantiveram, R$ 3,660 (Metrópole – Torre) e R$ 3,719 (Postos Z– Cidade Universitária), respectivamente, em comparação com o levantamento de 10 de julho. Dos 10 estabelecimentos visitados pelo Procon-JP, três postos reduziram e 07 mantiveram o preço do produto.

 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

TCE reprova contas e imputa débito de R$ 2,2 milhões a prefeito de Pitimbú

O Tribunal de Contas da Paraíba, em sessão plenária nesta quarta-feira (18), decidiu imputar débito de R$ 2,2 milhões ao prefeito de Pitimbú, Leonardo José Barbalho Carneiro, após reprovar as…

Com requerimento de Eduardo, ALPB aprova voto de aplauso ao projeto Ação Social pela Música, da PMJP

A Assembleia Legislativa da Paraíba aprovou, nesta terça-feira (17), requerimento de autoria do deputado Eduardo Carneiro (PRTB), concedendo Voto de Aplausos aos alunos do projeto Ação Social pela Música, de…