Um homem morreu afogado, na tarde desta quarta-feira (17), após fazer uma aposta para atravessar um açude, no município de Alagoinha, Agreste paraibano. A vítima foi identificada como Luís Juvino dos Santos, de 34 anos. Ele trabalhava como mecânico na cidade e estava no local para um momento de lazer, quando decidiu participar do desafio.

Conforme testemunhas, logo depois de dar algumas braçadas a vítima parou e já voltou à tona boiando. A esposa da vítima contou à imprensa local que o marido havia ingerido bebida alcoólica antes de ir ao açude. Ela contou que pediu que o marido ficasse em casa, mas ele insistiu e foi.

“Eu disse, vai não Baia, volta! Volta Baia, mas ele não deu ouvidos e foi ao açude onde acabou morrendo afogado” relatou dona Maria. ‘Baia’ era como o mecânico era conhecido na cidade. Ele deixou um filho recém-nascido cujo registro seria feito nesta tarde, fato que acabou não ocorrendo.

 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Perigo em duas rodas: MPPB defende aumento da fiscalização pelos órgãos para evitar acidentes

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) tem procurado reunir os órgãos responsáveis pelo trânsito na Paraíba com o intuito de implementar ações que possam reduzir o alarmante número de acidentes…

Concurso para Procuradoria do Estado terá 12 vagas e edital deve sair em novembro

O concurso público da Procuradoria-Geral do Estado da Paraíba terá 12 vagas para o cargo de procurador. A informação foi revelada pelo procurador-geral do Estado, Fábio Andrade Medeiros. Fábio Andrade…