Por pbagora.com.br

Um novo susto envolvendo problemas com uma aeronave foi vivenciado pelo governador Ricardo Coutinho na última sexta-feira (13).

De acordo com informações, a aeronave em que o governador viajava ao interior do Estado teve problemas no momento do pouso. Estavam no avião o governador, dois pilotos e o ajudante de ordem tenente Roque. O episódio só foi divulgado nesta segunda (16).

O chefe da Casa Militar, coronel Chaves, informou nesta terça-feira (17), que o governador seguia no avião de João Pessoa para Bananeiras, no Brejo paraibano. O avião teve dificuldades na aterrissagem porque um pneu do trem de pouso estourou cerca de 50 metros após tocar no solo. O pouso aconteceu em uma pista da fazenda Elizabete, no município.

 

Apesar do susto, o piloto conseguiu controlar a aeronave e ninguém ficou ferido. O governador viajou para cumprir agenda administrativa na região, em que visitou várias cidades.

 

Em janeiro deste ano, o governador passou por um problema semelhante quando viajava de João Pessoa para Campina Grande. Ricardo Coutinho estava no avião do Governo do Estado, que precisou realizar uma aterrissagem forçada no aeroclube de São José da Mata e pousou de barriga na pista. Na ocasião ninguém ficou ferido, mas o avião ficou danificado.

 

O trem de pouso do avião, modelo Seneca, que tem lugar para cinco pessoas, não teria funcionado e o piloto teve que fazer a manobra arriscada. Após seis meses, o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) divulgou o relatório que apontou falha humana com relação ao acidente.

Redação com Correio

Notícias relacionadas

Mudanças no Código de Trânsito entram hoje em vigor; foram 57 modificações na lei

A partir de hoje (12), entra em vigor a lei que altera pontos importantes do Código de Trânsito Brasileiro. Entre as mudanças está o aumento do prazo de validade da…

Opinião: Deputado Anísio Maia e a hipocrisia deslavada!

Tem certas coisas que são ridículas e até chegam a ser hilariantes. O Deputado Estadual Anísio Maia (PT), pela Paraíba, que ganha o mais que suficiente para viver economicamente saudável,…